ADM 2018 dispõe de dois tipos de certificação para pesquisadores

Marketing, finanças, administração pública e organizacional são algumas das linhas de pesquisas propostas pelo comitê científico do ADM 2018 – Congresso Internacional de Administração -  que acontece em agosto na cidade de Sucre, na Bolívia. O evento é uma parceria entre a UEPG (Universidade Estadual de Ponta Grossa) e a USFX (Universidad Mayor, Real y Pontificia de San Francisco Xavier de Chuquisaca). O prazo para submissão de artigos vai até o dia 06/05, os valores dos lotes de inscrições estão disponíveis no site do evento (admpg2018.com.br). A expectativa é que mais de mil trabalhos de várias partes da América Latina sejam inscritos. O professor Prof. Juvancir Silva, responsável pelo núcleo de pesquisa do ADM, explica que todos os artigos submetidos que forem aprovados serão publicados nos Anais do evento e recebem um certificado. Segundo ele, além desse documento, quem apresentar o trabalho em Sucre receberá uma certificação adicional. “Nesse ano, o congressista tem a opção de só submeter o artigo sem necessariamente ter de apresentá-lo em Sucre. Porém, aqueles que apresentarem durante o evento receberão certificado adicional como apresentador do trabalho”, explica.

Essa é a primeira vez que o congresso é sediado fora do Brasil. “O ADM é um dos maiores eventos científicos da América Latina, por isso a necessidade de torná-lo itinerante. Natal foi a primeira cidade fora de Ponta Grossa a recebê-lo, Sucre será o primeiro local fora do país a sediar o evento”, conta a professora Marilisa Oliveira, presidente do comitê gestor do ADM 2018.

 

Talvez você se interesse por estes artigos

Fechar Menu