Maquiagem é uma grande aliada no tratamento de doenças de pele como acne e vitiligo

Seja para esconder imperfeições ou apenas dar uma aprimorada no visual, a maquiagem é uma companheira importante de grande parte das pessoas, tanto mulheres quanto homens. Mas, hoje em dia, a maquiagem tem um poder ainda maior, ajudando a recuperar a autoestima e a aparência de pessoas que sofrem de doenças de pele como acne, melasma e vitiligo. “Algumas doenças dermatológicas prejudicam e danificam a pele de forma permanente, fazendo com que certos pacientes tenham que conviver com manchas, cicatrizes e outras imperfeições. A maquiagem surge então como uma alternativa para camuflar estas lesões e, ainda que não seja uma solução definitiva, ajuda a melhorar a qualidade de vida dessas pessoas”, afirma Lucas Portilho, consultor e pesquisador em Cosmetologia, farmacêutico e diretor científico da Consulfarma.

Estudos apontaram que há uma conexão emocional entre a qualidade da pele e o bem-estar pessoal, mostrando assim os benefícios psicológicos que a maquiagem pode promover no tratamento de doenças como, por exemplo, a acne. “Os tratamentos médicos para as doenças de pele são, muitas vezes, demorados, o que pode levar o paciente a desistir no meio do caminho. Por isso, é importante que os dermatologistas considerem terapias que ofereçam resultados rápidos, como a camuflagem cosmética, para auxiliar na espera dos resultados finais. Avaliações clínicas já têm demonstrado que, com o uso de maquiagem, o tratamento da acne pode ser mais eficaz e com maior qualidade de vida”, explica o pesquisador.

A maquiagem também pode ajudar no tratamento do vitiligo e melasma, já que estas doenças também afetam o emocional e psicológico dos pacientes, levando a consequências como a baixa autoestima, isolamento social e até mesmo depressão. “Junto com a camuflagem cosmética, outra opção interessante é manipular a maquiagem com ativos, que, além de camuflar a pele, auxiliam no tratamento da doença”, destaca Lucas.

Porém, segundo o especialista, nem toda maquiagem é adequada para pessoas com problemas de pele. Por isso, é necessário consultar um dermatologista e investir em produtos de qualidade, de preferência que sejam hipoalergênicos, pouco oleosos e sem fragrância. Por exemplo, as maquiagens com efeito Blur são ideais para estes casos. “As maquiagens com efeito Blur são produtos multifuncionais que promovem o alisamento imediato da pele, disfarçando rugas, linhas de expressão, poros, manchas, acne e pequenas cicatrizes instantaneamente. Este efeito deve-se as partículas Soft Focus High Tech, que penetram nos poros dilatados promovendo um disfarce ótico. Além disso, também é adicionado óxido de ferro na composição desses produtos, conferindo assim maior tonalização e uniformização à pele”, finaliza.

FONTE: LUCAS PORTILHO - Consultor e pesquisador em Cosmetologia, farmacêutico e diretor científico da Consulfarma. Especialista em formulações dermocosméticas e em filtros solares. Diretor das Pós-Graduações do Instituto de Cosmetologia e Ciências da Pele, Hi Nutrition Educacional e Departamento de Desenvolvimento de Formulações do ICosmetologia. Atuou como Coordenador de Desenvolvimento de produtos na Natura Cosméticos e como gerente de P&D na AdaTina Cosméticos. Mestrando na Unicamp em Proteção Solar. Possui 18 anos de experiência na área farmacêutica e cosmética. Professor e Coordenador dos cursos de Pós-Graduação com MBA do Instituto de Cosmetologia e Ciências da Pele Educacional. Coordena Estágios Internacionais em Desenvolvimento de Cosméticos na Itália, França e Mônaco. Atua em desenvolvimento de formulações para mercado Brasileiro, Europeu e América Latina.

paula.amoroso@holdingcomunicacoes.com.br

Talvez você se interesse por estes artigos

Você já notou pontos escuros na pele, principalmente do rosto? Isso acontece, muitas vezes, por conta da falta do uso do protetor solar, principalmente no verão...
Fechar Menu