A Oi anunciou hoje que investiu mais de R$ 213 milhões no Paraná em 2017, o que representa um aumento de 17% em relação a igual período de 2016. No país, o investimento total foi de R$ 5,6 bilhões, registrando aumento de 18,3% em relação ao ano anterior, sendo que a maior parte dos recursos foi aplicado na modernização da infraestrutura e expansão da capacidade de rede, na expansão do 4G e dos serviços de TI.  

A Oi implantou no estado 99 novos sites de telefonia móvel e 1.159 sites foram ampliados ou modernizados. Além disso, 19,5 mil novos acessos para o serviço de banda larga fixa também foram implantadas.  

A Oi aumentou em 161% o número de cidades com cobertura de 4G em 2017 e agora oferece o serviço em 47 cidades: Curitiba, Almirante Tamandaré, Apucarana, Arapongas, Araucária, Assis Chateaubriand, Bandeirantes, Campina Grande do Sul, Campo Largo, Campo Mourão, Cascavel, Castro, Cianorte, Colombo, Dois Vizinhos, Foz do Iguaçu, Francisco Beltrão, Guarapuava, Guaratuba, Irati, Jacarezinho, Lapa, Laranjeiras do Sul, Londrina, Mandaguari, Marialva, Maringá, Medianeira, Palmas, Palmeira, Paranaguá, Paranavaí, Pato Branco, Pinhais, Pinhão, Pitanga, Ponta Grossa, Quedas do Iguaçu, Rio Branco do Sul, Santo Inácio, São José dos Pinhais, São Mateus do Sul, Sarandi, Telêmaco Borba, Toledo, Umuarama e Virmond. 

Após a aprovação do seu Plano de Recuperação Judicial, a Oi está totalmente voltada para o fortalecimento de sua  operação e avança na sua estratégia de transformação digital. Nesta semana a Oi anunciou novidades em seu portfólio de serviços. Entre os lançamentos estão funcionalidades inéditas de produtos de telefonia móvel e TV por assinatura, que oferecem mais dados, conteúdo, autonomia e transparência para os clientes. 

“Superamos a fase de reestruturação da dívida, que culminou com a aprovação do Plano de RJ, e iniciamos em 2018 um processo de reestruturação do negócio, que vai colocar a Oi em um novo patamar no mercado. Este evento simboliza este momento em que uma nova Oi está surgindo”, afirma o presidente da Oi, Eurico Teles. 

Um dos pilares estratégicos neste novo momento da Oi é avançar no seu processo de transformação digital, que promove redução de custos para a companhia e também numa melhor experiência dos serviços oferecidos aos clientes. Para isso, a Oi vem investindo na melhoria da rede e direcionando seus esforços no desenvolvimento de produtos e processos digitais aperfeiçoando funcionalidades de autoatendimento (iniciativas em e-care, e-billing e e-commerce). Em 2017, a redução de custos da companhia atingiu a marca de R$ 1,5 bilhão e as iniciativas de digitalização contribuíram fortemente para esse resultado.  

“Estamos apresentando hoje ao mercado e também à nossa força de vendas produtos digitais inovadores que passam a fazer parte de nosso portfólio. Isso mostra que a companhia está comprometida em promover a retomada da receita ao mesmo tempo em que melhora a experiência do cliente. Em 2018, a Oi continuará investindo em melhoria da qualidade com a expansão da rede de 4G, da rede de fibra ótica de alta velocidade e da digitalização”, avalia Bernardo Winik, diretor Comercial da Oi (fotos).

Avanço da digitalização traz resultados em várias frentes: 

- Em 2017, a companhia registrou um crescimento de 64% no volume de atendimentos digitais na Minha Oi (app +  desktop), alcançando 80 milhões de interação. Em média, 81% dos clientes que utilizaram a Minha Oi não efetuaram ligação para o call center em até 24 horas após o uso da plataforma. Em janeiro de 2018, já foram realizados 11,4 milhões de atendimentos digitais na Minha Oi, o que evidencia o sucesso da plataforma.  

- Com mais de 2 milhões de downloads, o app Técnico Virtual dá autonomia e comodidade para o cliente identificar problemas e solucionar uma grande parte dos reparos que podem ser necessários em seus serviços de telefonia fixa, TV e internet banda larga, sem precisar ligar para o atendimento. Atualmente 38% dos atendimentos realizados pelo Técnico Virtual são solucionados sem a necessidade de ligação para o suporte técnico da Oi. Em 2017, 2,7 milhões de chamadas foram evitadas no Suporte Técnico da Oi pelo uso do aplicativo, o que equivale à redução de 7% do total de chamadas no ano.

- A Oi registrou em 2017 um aumento de 59% nas vendas pelos seus canais digitais.

- A companhia aumentou em 70% a penetração de conta online em 2017, atingindo 25% de sua base que recebe fatura. Os clientes têm informações para pagamento de sua conta no Minha Oi, recebem também por email e SMS e ainda podem aderir ao débito em conta.

Talvez você se interesse por estes artigos.

Fechar Menu