Portabilidade da conta de luz pode gerar R$ 12 bilhões de economia

A Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel) acaba de lançar uma cartilha com dez razões para o Congresso Nacional aprovar as medidas de reforma do setor elétrico previstas na Consulta Pública 033 do Ministério de Minas e Energia (tabela completa abaixo). A principal delas é que a Portabilidade da Conta de Luz, se ampliada para alcançar todos os 80 milhões de consumidores nacionais, poderia gerar uma economia de R$ 12 bilhões nas tarifas de energia pagas por eles.

Uma ampliação da liberdade de escolha do fornecedor de eletricidade poderia ainda beneficiar as 6 milhões de empresas no Brasil, com um substacial aumento da competitividade do setor produtivo, com a consequente geração de empregos. Na forma como está, a reforma do setor elétrico pode criar 420 mil novos postos de trabalho.

“Com a cartilha, é fácil perceber porque os congressistas devem dar prioridade à aprovação da reforma do setor elétrico, quando as propostas forem encaminhadas como projeto de lei”, afirma Reginaldo Medeiros, presidente da Abraceel. “A liberdade de escolha do fornecedor de energia está diretamente ligada à produtividade da economia e à sustentabilidade do setor elétrico”, complementa.

Veja a íntegra da cartilha no link abaixo.

http://www.abraceel.com.br/archives/files/ABRACEEL_FOLDER2018SINGLE_V15.pdf"

Sobre a Abraceel
Fundada em 2000, a Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia defende a portabilidade da conta de luz para todos os consumidores e conta com 92 empresas participantes. Essas empresas são responsáveis por 95% do volume de energia negociado pelas comercializadoras. O mercado livre atualmente atende mais de 5 mil consumidores livres e especiais, que estão entre os maiores do país e é responsável por 77% do consumo industrial brasileiro.

(thiago.nassa@retoquejor.com.br)

Talvez você se interesse por estes artigos

Fechar Menu