Primeira brasileira a comandar um navio porta-contêineres recebe homenagem no Rio de Janeiro

Notaparana

Há 12 anos na Aliança Navegação e Logística, líder em transporte via cabotagem, Daisy Lima da Silva, de 37 anos, é a 1ª brasileira a comandar um navio porta-contêineres. Formada pela Marinha Mercante, Daisy galgou degraus – 2º piloto, 1º piloto e imediato – para chegar, há três anos, ao posto de 1ª Comandante Feminina da  Aliança.

Para homenagear a Comandante, o Centro dos Capitães da Marinha Mercante – CCMM organizou um grande encontro para celebrar sua carreira. O evento aconteceu no Hotel Guanabara, no Rio de Janeiro, e contou com a presença de diversas autoridades marítimas. Para o Comandante Francisco Cesar Monteiro Gondar, vice-presidente do Centro de Capitães, a participação da mulher na navegação tem crescido bastante. “As mulheres já conquistaram espaço dentro de uma atividade que, há duas décadas, era dominada pelo universo masculino. Elas provam todos os dias que são capazes de comandar e chefiar navios tão bem quanto os homens. A Comandante Daisy é uma delas”.

Atualmente, Daisy comanda o navio de cabotagem Sebastião Caboto. Ela trabalha com uma tripulação de 19 homens na rota Manaus (AM) – Itapoá (SC). “A Aliança foi e ainda é essencial na minha carreira. A empresa me incentivou e me deu espaço para crescer e me tornar a profissional que sou hoje.” Sobre a homenagem do Centro de Capitães, Daisy comenta que “é uma honra ter meu trabalho reconhecido por pessoas que me inspiraram a seguir essa carreira. Quando comecei era uma época bem diferente, outros valores e, hoje, quero ajudar e abrir mais espaço para as mulheres no mercado marítimo”.