Com nova diretoria, Rede Imóveis vai implantar a Rede Itinerante

O ditado que diz que é na crise que surgem as oportunidades será levado a sério em 2016 pela nova diretoria da Rede Imóveis, associação que reúne 15 imobiliárias (Imobiliária Cilar, Baggio Imóveis, Imobiliária 2000, Fernandez Mera, Habitec Imóveis, Imobiliária Razão, Cibraco Imóveis, Futurama Imóveis, Galvão Locações, C3 Imóveis, J8 Imóveis, Kondor Imóveis, Clarim Imóveis, Paulo Celles Imóveis e Brasil Brokers Galvão). Recém-empossado como presidente, Marlon Moser, da Imobiliária Razão, e seus pares na diretoria se inspiraram nas dificuldades do mercado para traçar estratégias que incluem sedes itinerantes para a associação, maior presença em mídias online e até a utilização de atributos da neurociência para motivar as equipes de venda e de locação.

Depois de registrar em 2015 crescimento neutro em relação a 2014 e diante das expectativas negativas no mercado imobiliário para 2016, Marlon decidiu que era o momento de usar a criatividade para levar a Rede Imóveis a melhores resultados. Uma das ações será a criação da Rede Itinerante, que será similar ao que fazem as grandes imobiliárias dos Estados Unidos. Durante um mês e em sistema de rodízio, um imóvel de destaque na carteira da associação, seja para venda ou locação, será utilizado como sede da Rede Imóveis. “É uma ideia desenvolvida junto com o coordenador de Marketing, João Felipe Gottschild e com a vice, Andrea Baggio, e na qual apostamos muito. Ao mesmo tempo em que  levaremos a marca da Rede Imóveis para mais perto das pessoas, ampliaremos a divulgação de determinados imóveis, o que, com certeza, acelerará o processo de venda e locação”, diz Marlon.

Como tem o funcionamento baseado muito na internet, a Rede Imóveis passará também a intensificar a sua atuação comercial no mundo online. Para isso, foi contratada uma agência focada em Marketing Digital, a Green Digital, que vai cuidar da presença da associação em plataformas como Facebook, Google e Instagram, com ações para divulgar a marca Rede Imóveis e para gerar vendas. “Vamos cuidar da gestão das mídias sociais, produzir conteúdos para blog, fazer remarketing, criação digital, entre outras ações. O objetivo é fortalecer a presença digital da Rede Imóveis com conteúdos que sejam relevantes ao público de interesse”, explica Ney Queiroz, diretor da Green.

Neurociência

Adepto de livros e estudos que mostram que o sucesso das pessoas depende basicamente do quanto acreditam em si e do quanto se esforçam pelas conquistas, o presidente da Rede Imóveis  quer incutir na cabeça dos corretores e atendentes de locação a chave que abre a porta para o sucesso. “É preciso que cada um entenda que não existe sorte e que a culpa do quanto temos de sucesso ou de fracasso é meramente nossa. É resultado de pensamos positivamente e de nos preparamos. A neurociência explica isso”, diz Marlon, referindo à ciência que estuda o cérebro e que aponta, entre outros fatores, que nossos pensamentos moldam a nossa realidade.

De acordo com Marlon, a ideia é acordar as pessoas para uma nova mentalidade. “Muitos não saem do mesmo patamar porque dizem não ter sorte. Outras culpam o governo, a crise, os clientes, o calor, o frio, enfim, têm sempre uma desculpa para não vender ou locar. Vamos trabalhar muito esta questão da mentalidade, procurando fazê-los acreditar que podem alavancar seus resultados mudando a forma de pensar e de agir perante as dificuldades. E os clientes sairão ganhando, tendo atendimento de pessoas ainda mais motivadas”.

Parte destas ideias já foi passada aos colaboradores durante a posse de Marlon, no último dia 10 de dezembro, e serão transmitidas daqui para frente em treinamentos e eventos de premiações mensais, trimestrais, semestrais e anuais. Está prevista ainda a presença de um grande palestrante brasileiro para reforçar os conceitos do pensamento positivo e da superação.

Marlon acredita que a mudança de mentalidade será o combustível para os corretores e atendentes de locação vencerem a Maratona de Desafios, campanha interna de vendas e de locação que tem por objetivo superar todas as metas já estipuladas até hoje para estes profissionais.

Crise política

Com sua equipe preparada mentalmente para superar as dificuldades do mercado, Marlon prevê um 2016 melhor. Para ele, o principal problema no momento é a crise política, e não econômica. “A crise política gera insegurança e paralisa a economia. Com isso há demissões e as pessoas ficam inseguras em investir num primeiro momento. Mas depois vem a constatação de que vale a pena aproveitar as oportunidades que aparecem em virtude da própria paralisia do mercado, pois pessoas se mudam e vendem os imóveis, empresas precisam diminuir estoques e tudo isso movimento o setor imobiliário”.

Alguns números recentes ajudam a manter o otimismo. O Sindicato da Construção Civil (Sinduscon) divulgou recentemente uma sondagem com empresas do setor em que 51% dos empresários pesquisados pretender manter o nível de atividade para 2016, contra 42% em 2015. Outro fator que sempre renova a esperança de negócios é que investir em imóveis traz retorno.  Números do Inpespar (Instituto Paranaense de Pesquisa e Desenvolvimento do Mercado Imobiliário e Condominial) apontam que os imóveis residenciais vendidos em Curitiba tiveram uma valorização acumulada de 67,8% nos últimos cinco anos, contra 39,2% da poupança, por exemplo.
Sobre a Rede Imóveis

Com mais de 20 anos de atuação e pioneira na formação de rede imobiliária no Brasil, a Rede Imóveis é uma associação de imobiliárias que tem o objetivo de facilitar a vida de quem quer comprar, vender ou alugar imóveis. Com a Rede, as empresas têm vida própria, mas trabalham como se fossem uma única imobiliária. O estoque de imóveis é compartilhado entre todas. Assim, se a opção desejada pelo cliente não existe em determinada imobiliária, o banco de dados de todas as outras passa a ser analisado até que se encontre o que o cliente quer. Para o proprietário, a vantagem também é grande, pois ele deixa o seu imóvel em uma das associadas, mas na verdade as outras 14 também vão trabalhar para vendê-lo ou alugá-lo.

A Rede Imóveis conta com mais de 7 mil imóveis para venda e locação e mais de mil corretores e atendentes de locação. São 15 imobiliárias que atendem em 27 pontos de Curitiba e região metropolitana e no site www.redeimoveis.com.br.

<rocha@rtpress.com.br>

a9af0494-6788-4792-be06-c741077ceae8

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui