Pesquisa aponta que 98% das pessoas conhecem a Black Friday

O Instituto H2R Pesquisas, em parceria com a Netquest, entrevistou mais de 800 pessoas nos últimos dias, com objetivo de conhecer a opinião do consumidor brasileiro sobre a Black Friday em 2015.

Black Friday é uma campanha de vendas mundial que oferece descontos de até 80% em produtos de várias categorias – TVs, fogão, geladeiras, eletrodomésticos, móveis, roupas, calçados, livros, computadores, celulares entre outros – e que acontece sempre na última sexta-feira de novembro.

A pesquisa apurou que 98% dos entrevistados já tinham ouvido falar da Black Friday e, desse total, 48% efetuaram alguma compra durante a campanha. Outro destaque do levantamento é de que 56% dos entrevistados acreditam na proposta da Black Friday, e 70% entre aqueles que não adquiriram algum bem de consumo pelo menos chegaram a pesquisar preços. Outro dado interessante foi de que 89% dos entrevistados admitiram que compraram produtos para uso próprio.

O segmento moda (roupas e calçados, por exemplo) foi o que obteve maior percentual de compra: 38%, de acordo com a pesquisa da H2R/Netquest. Em segundo lugar ficou a categoria de smartphones/celulares, com 24% de participação. Na terceira posição empataram os segmentos de cuidados pessoais (maquiagem, cremes, etc) e eletrodomésticos (fogão e geladeira),  com 17% cada. Outros produtos que tiveram participação relevante em termos de venda durante a campanha foram livros e computadores (16%), enquanto os móveis e TVs ficaram com 13% de participação no total das compras.

Na outra ponta, a pesquisa revela quais os motivos que levaram as pessoas a não comprar na Black Friday: na liderança ficou a falta de dinheiro, com 39%. Já 34% das pessoas entrevistadas disseram que não viram quaisquer vantagens nas promoções feitas pelas empresas que justificasse a aquisição de produtos.

A pesquisa também apontou certa resistência por parte do consumidor em relação a Black Friday: 44% não acreditam que a campanha represente uma real oportunidade de compra a preços diferenciados. Um dos fatores assinalados é o estresse no ato da compra (filas, por exemplo), pois  não compensa o desconto oferecido.

O estudo da H2R/Netquest foi feito com base em 816 entrevistas com pessoas maiores de 18 anos, entre os dias 30 de novembro e 02 de dezembro passado. <paulaangelo@a4eholofote.com.br>

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui