Empresas do centro da cidade são público-alvo de projeto do turismo MICE em Cascavel

Sebrae/PR, Fecomércio PR e Comtur querem tornar local ponto de referência para compras e lazer de turistas de negócios e eventos; projeto será lançado no próximo dia 13 no Emir Sfair

Empresários e gestores das micro e pequenas empresas do centro de Cascavel têm encontro marcado nesta quarta-feira, dia 13 de abril, a partir das 19 horas no anfiteatro Emir Sfair, no Centro de Convenções e Eventos de Cascavel. O evento tem como foco principal o lançamento do projeto “Centro de Cascavel/PR: uma opção de compra e lazer para o turismo de negócios e eventos”, iniciativa do Sebrae/PR, Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR) e Conselho Municipal de Turismo de Cascavel (Comtur).

Segundo o gerente do Sebrae/PR no oeste, Orestes Hotz, a proposta faz parte das ações do Projeto Cascavel MICE – Turismo de Negócios e Eventos e tem como primeiro objetivo capacitar as empresas do entorno para, depois, poder tornar o local referência de compras e lazer para os visitantes desse segmento turístico. “A cidade tem vocação para o turismo de negócios e eventos e sabemos que o perfil deste turista é diferente do turista de lazer ou cliente local. Assim, é preciso que os empresários também conheçam essa clientela e estejam preparados para atendê-los nas suas necessidades”, orienta.

A consultora do Sebrae/PR, Danieli Doneda, é gestora do Projeto Cascavel MICE e complementa que, além do trade de turismo, o comércio também pode se beneficiar da demanda crescente de eventos em Cascavel. “Tendo em vista que o comércio é um dos grandes segmentos afetados positivamente pelos eventos captados pela cidade, o Cascavel MICE vai estender as ações de capacitação deste ano com o Programa Varejo Mais, uma parceria entre o Sebrae/PR e Fecomércio PR, para atender as empresas do segmento na área central do município”, relata.

De acordo com Paikan Salomon de Mello e Silva, assessor da presidência da Fecomércio PR, o Varejo Mais é o programa mais antigo e que consolida há 11 anos parceria entre a Federação e o Sebrae/PR. “O Varejo Mais já atendeu diretamente 50 mil empresas no estado e, no decorrer de suas edições, vem sendo ajustado para poder oferecer o que há de melhor em capacitação de processos de gestão aos empresários. Neste ano, somente duas cidades receberão o projeto e Cascavel é uma delas, por conta da parceria com o Sindilojas (Sindicato dos Lojistas e do Comércio Varejista de Cascavel e região)”, ressalta.

Oportunidade

Para Paikan Salomon de Mello e Silva, este é um momento propício para que o empresário melhore sua competitividade. “A Fecomércio PR vem desenvolvendo diversas ações para que os empresários consigam combater a crise econômica e desenvolvam seus negócios. Somos apoiadores ativos deste projeto porque ele vem ao encontro dessa expectativa de ajudar a fazer com esses empresários repensem suas empresas e melhorem o desempenho no mercado”, afirma.

“Cascavel tem recebido cada vez mais eventos locais, estaduais e, até mesmo, nacionais. Acreditamos que todos têm que estar falando uma linguagem atualizada, inclusive o empresário e seus funcionários, que são os que atendem a esses visitantes, que chamamos de turistas de negócios e eventos. As capacitações do projeto têm essa finalidade, de preparar as empresas do centro para receberem este cliente, que também deve ser visto como potencial”, sinaliza Paulo Carlesso, presidente do Comtur em Cascavel.

Programação

Além de lançar oficialmente o projeto “Centro de Cascavel/PR: uma opção de compra e lazer para o turismo de negócios e eventos” aos maiores interessados, que são os lojistas da área central, a programação do encontro também conta com a apresentação de palestra sobre as tendências e desafios do varejo com o mestre em administração e especialista em varejo e franquias Leandro Krug Batista. A palestra também lança a abertura da nova turma do programa Varejo Mais em Cascavel.

O evento também vai dar espaço para a entrega do Selo de Qualidade no Turismo do Paraná para a empresa do setor gastronômico de Cascavel, a Rubayá Sfiha, que atingiu os critérios de excelência em qualidade durante a participação nos treinamentos do Programa Selo de Turismo do Paraná. A empresa foi uma das 50 paranaenses certificadas no programa de qualificação coordenado pelo Sebrae/PR.

“O Projeto Cascavel MICE prevê atender neste ano de 2016 tanto o trade de turismo de negócios e eventos do município, como hotéis e empresas do setor gastronômico, quanto o comércio local. Nosso intuito é prepará-los em conformidade com o Selo de Qualidade no Turismo do Paraná, para o trade de turismo, e com o Selo Empresa Referência do Comércio, voltado para as micro e pequenas empresas do varejo”, explica Danieli Doneda.

Deixe uma resposta