Gartner anuncia que gastos globais com TI chegarão a US$ 3,7 trilhões em 2018

0
134

De acordo com nova pesquisa do Gartner, Inc., líder mundial em pesquisa e aconselhamento imparcial em tecnologia, os gastos com TI no mundo devem totalizar US$ 3,7 trilhões em 2018, representando um aumento de 6,2% em relação a 2017.

“Embora os gastos globais com TI devam crescer 6,2% este ano, o declínio do dólar americano causou aumentos de câmbio que são a principal razão para este forte crescimento”, diz John-David Lovelock, Presidente de Pesquisas do Gartner. “Essa é a maior taxa de crescimento anual que o Gartner estimou desde 2007 e poderia ser um sinal de um novo ciclo de crescimento de TI”, afirma Lovelock.

O analista afirma que os gastos com TI no mundo estão aumentando nos níveis esperados e estão alinhados com o crescimento econômico global previsto. “Entre 2018 e 2019, espera-se que o dólar americano se mantenha mais forte, suportando uma enorme inconstância devido ao ambiente político incerto, à renegociação do Tratado Norte-Americano de Livre Comércio e ao potencial de guerras comerciais”.

Os gastos com software corporativo devem apresentar o maior crescimento em 2018, com um aumento de 11,1%. A não ser que haja alguma disrupção, espera-se que a indústria de software continue a capitalizar a evolução do negócios digitais. Espera-se que os gastos com aplicativos continuem subindo até 2019, e os programas de infraestrutura também continuarão a crescer, impulsionados por iniciativas de modernização.

Previsão mundial de gastos com TI (bilhões de dólares americanos)

2017

Gastos

2017

Crescimento (%)

2018

Gastos

2018

Crescimento (%)

2019 Gastos 2019 Crescimento (%)
Data Centre Systems 181 6.3 188 3.7 190 1.1
Empresas de Software 352 8.8 391 11.1 424 8.4
Dispositivos 663 5.1 706 6.6 715 1.3
Serviços de TI 933 4.4 1,003 7.4 1,048 4.6
Serviços de comunicação 1,392 1.3 1,452 4.3 1,468 1.1
TI Global 3,521 3.8 3,740 6.2 3,846 2.8

Fonte: Gartner (Abril 2018)

Mesmo com um ótimo resultado em 2017, os gastos mundiais em sistemas de Data Center estão previstos para crescer 3,7% em 2018, diminuindo 6,3% de crescimento em 2017. As perspectivas de longo prazo continuam a apresentar desafios, particularmente para o segmento de armazenamento. A força no final de 2017 foi impulsionada principalmente pela falta de componentes para componentes de memória, e os preços aumentaram a um ritmo maior do que o esperado anteriormente. Considerando o ritmo anterior, era esperado que a escassez de componentes diminuísse em 2018, espera-se que a escassez continue ao longo do ano, com a oferta que não diminuirá até o final do ano.

Em relação aos gastos mundiais para dispositivos como PCs, tablets, mobiles e celulares, a previsão é crescer em 2018, atingindo US$ 706 bilhões, um aumento de 6,6% em relação a 2017. “O mercado de dispositivos continua a ver dinâmicas duplas. Alguns usuários estão se contendo de comprar, e aqueles que estão comprando estão fazendo isso, em média, a preços mais altos”, diz Lovelock.

“Como resultado, os gastos do usuário final mais rápido que em unidades até 2022. No entanto, os gastos totais do usuário final e os envios unitários deverão ser menores em comparação com as previsões anteriores, já que a demanda por dispositivos ultramóveis premium, dispositivos utilitários ultramóveis e telefones básicos deverá ser lenta”.

Comments are closed.