“Tangos Hermanos” na CAIXA Cultural Curitiba

Notaparana

Serão três shows conduzidos pelo grupo LiberTango que contarão com três convidados especiais. Cada convidado se apresentará em uma noite: Yamandu Costa (violão), Renato Borghetti (acordeon) e Nina Wirtti (voz).

Pela primeira vez em Curitiba, a mostra musical “Tangos Hermanos” é uma criação do grupo LiberTango. O espetáculo revela a importância do tango na formação da música brasileira e realça o diálogo entre as culturas latino-americanas. A série reúne dois dos maiores instrumentistas do mundo, Yamandu Costa (violão de sete cordas) e Renato Borghetti (acordeon); e a cantora Nina Wirtti, uma exponencial voz da nova geração de cantoras da MPB. Junto com o LiberTango, a maior expressão viva do tango no Brasil, os convidados mostram um lado mais portenho da música brasileira e dão um toque mais brasileiro ao tango.

Serão três shows do grupo LiberTango, entre os dias 24 e 26 de agosto. Cada convidado se apresentará em uma noite: Nina Wirtti canta no dia 24 (sexta), Yamandu Costa apresenta seu virtuosismo ao violão no dia 25 (sábado) e Renato Borghetti traz o encantamento de seu acordeon no dia 26 de agosto (domingo). A mostra realça as cores portenhas presentes na música brasileira desde o século XIX e cria canais para intensificar o diálogo cultural entre os países da América do Sul, numa época de crescente migração latina para as capitais brasileiras, em que se torna necessário conhecer a cultura do outro e saber apresentar a sua.

Destaca-se, ainda, a alta qualidade virtuosística dos instrumentistas brasileiros Yamandu Costa e Renato Borghetti, emprestando o seu talento raro para dialogar com o tango e a música latina, um lado ainda pouco conhecido de ambos, embora a influência desses ritmos esteja presente desde o início de suas carreiras. Por outro lado, a cantora Nina Wirtti vem, desde o início da carreira, dedicando-se também ao tango, já tendo se apresentando diversas vezes ao lado da família LiberTango.

Arte do encontro

A música pode ser definida como a arte do encontro. No caso do LiberTango, em específico, trata-se de um encontro familiar e, ao mesmo tempo, intercultural, visto que o grupo é formado por uma mãe argentina e por dois de seus filhos, ambos nascidos e criados no Rio de Janeiro. O resultado musical dessa fusão tem atraído públicos de diversas origens: brasileiros, argentinos, chilenos, bolivianos, venezuelanos e colombianos. A quantidade e diversidade de pessoas presentes nos shows comprovam a demanda latente, no campo da cultura, de ações de valorização da latinidade.

A realização deste projeto vem lançar luzes a um diálogo musical que se mantém vivo desde o final do século XIX. Conhecer melhor a cultura do vizinho, e suas influências na nossa cultura, é importante passo para ampliar as nossas trocas. A atual conjuntura política e econômica mundial faz emergir o anseio por uma efetiva integração latino-americana, uma realização que necessita de bases culturais para se solidificar. Daí, novamente, a importância da realização dessa mostra, no sentido de oferecer mecanismos para a criação de ações voltadas ao diálogo intercultural na América Latina.

A mostra “Tangos Hermanos” conduz o ouvido dos brasileiros para uma nova dimensão intercultural de sua nação, que se alimenta e é alimentada pelas culturas dos territórios vizinhos. Perceber a música brasileira de inspiração latina é olhar para si mesmo, para o seu interior. É devolver o olhar ao próximo, ao seu vizinho, a quem está ao seu lado. E é essa experiência que o grupo LiberTango oferece ao público de Curitiba.

Serviço

Música: “Tangos Hermanos”

Local: CAIXA Cultural Curitiba – Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Curitiba (PR).

Data:24 a 26 de agosto de 2018 (sexta a domingo). Nina Wirtti canta no dia 24 (sexta), Yamandu Costa se apresenta no dia 25 (sábado) e Renato Borghetti sobe ao palco no dia 26 de agosto (domingo).

Horário:sexta e sábado, às 20h e domingo, às 19h.

Ingressos:vendas a partir de 18 de agosto (sábado).R$ 30 e R$ 15 (meia – conforme legislação e correntistas que pagarem com cartão de débito CAIXA). A compra pode ser feita com o cartão vale-cultura.

Bilheteria: (41) 2118-5111 (De terça a sábado, das 12h às 20h. Domingo, das 16h às 19h.)

Classificação etária:Livre

Lotação máxima: 125 lugares (2 para cadeirantes)

(fernandodproenca@gmail.com)|