Dia Nacional de Combate ao Câncer: como prevenir a doença que mais acomete pessoas ao redor do mundo

Dia 27 de novembro é o Dia Nacional de Combate ao Câncer. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), o Brasil ainda registrará 600 mil casos de câncer até o final de 2018 e durante o ano de 2019. Dados ainda apontam que o câncer de pele não melanoma é o mais frequente no país, e a segunda posição é ocupada pelo câncer de próstata, para homens, e de mama, para mulheres.

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) apontam que a cada ano mais de 12, 7 milhões de pessoas são diagnosticadas com câncer e 7,6 milhões de pessoas morrem vítimas dessa doença, sendo que, aproximadamente 70% das mortes por câncer ocorrem em países de baixa e média renda.

De acordo com a médica oncologista do IHOC/ Grupo Oncoclinicas, Marcela Bonalumi dos Santos, existem dois tipos de prevenção, a denominada primária, que é essencialmente ligada a hábitos e estilo de vida, e a secundária, definida de acordo com o órgão afetado pelo câncer e idade do paciente.

Cerca de 80% dos casos da doença estão relacionados aos hábitos e estilo de vida, e atitudes simples e práticas podem ser tomadas no dia a dia como prevenção. “A alimentação é extremamente essencial para proteger contra essas doenças. Vegetais e fibras são alimentos que ajudam o fluxo intestinal, varrem células tóxicas de gordura do intestino e, consequentemente, previnem o câncer nessa região do corpo”, explica a médica. Rica em alimentos naturais, a Dieta Mediterrânea foi apontada como ideal para prevenir e combater o câncer e doenças do coração.  Um estudo, publicada no periódico IJC (International Journal of Cancer), descobriu que dieta pode reduzir o risco de contrair um dos piores tipos de câncer de mama em 40%, além reduzir o risco de AVC (Acidente Vascular Cerebral) e doenças cardíacas.

O Instituto Nacional do Câncer (Inca) aponta que a prática frequente de atividade física pode reduzir o risco de desenvolvimento de 26 tipos de câncer, entre os quais o de mama, neoplasia que mais atinge a população feminina no Brasil. “A prática regular de exercício físico, além de prevenir diversos tipos de câncer, potencializa o processo de tratamento da doença”, afirma Marcela.

Segundo a especialista, os exames que devem ser feitos periodicamente para a prevenção do câncer variam de acordo com o órgão afetado pela doença. “Cada tipo de câncer necessita de exames específicos, por isso, é preciso fazer consultas e exames periódicos de rotina. Quanto antes descobrir a doença, maiores as chances de cura”, lembra a médica.

Sobre o IHOC

O Instituto de Hematologia e Oncologia Curitiba (IHOC), fundado em 2000, é um centro de tratamento médico multidisciplinar, com foco no tratamento de pacientes com tumores e doenças hematológicas. A estrutura é preparada para procedimentos de alta complexidade. Desde o início de 2017, se uniu ao Grupo Oncoclínicas. Mais informações sobre o instituto podem ser conferidas no site www.ihoc.com.br.

Sobre o Grupo Oncoclínicas

Fundado em 2010, o Grupo Oncoclínicas é o maior grupo especializado no tratamento do câncer na América Latina. Possui atuação em oncologia, radioterapia e hematologia em 11 estados brasileiros. Atualmente, conta com mais de 60 unidades entre clínicas e parcerias hospitalares, que oferecem tratamento individualizado, baseado em atualização científica, e com foco na segurança e o conforto do paciente.

Seu corpo clínico é composto por mais de 450 médicos, além das equipes multidisciplinares de apoio, que são responsáveis pelo cuidado integral dos pacientes. O Grupo Oncoclínicas conta ainda com parceira exclusiva no Brasil com o Dana-Farber Cancer Institute, um dos mais renomados centros de pesquisa e tratamento do câncer no mundo, afiliado a Harvard Medical School, em Boston, EUA. Para obter mais informações, visitewww.grupooncoclinicas.com.

Talvez você se interesse por estes artigos

Fechar Menu
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com