Diminui a oferta de imóveis para locação em Curitiba

O estoque de imóveis residenciais para locação em Curitiba conta com 70,2% de apartamentos e 7,83% de quitinetes. Juntos, representam mais de 78% do estoque, cuja oferta diminui 20% no acumulado dos últimos 12 meses, segundo pesquisa do Instituto Paranaense de Pesquisa Imobiliária e Condominial (Inpespar), do Secovi-PR.

“A verticalização é uma tendência da sociedade e já tivemos diversos momentos econômicos e sociais que impulsionaram este movimento, principalmente, quando pensamos em praticidade, segurança e oportunidades de negócios”, explica o vice-presidente de Locação e Administração Imobiliária, Leonardo Baggio.

Segundo Baggio, na capital, a maior quantidade de imóveis são os apartamentos com dois e três quartos, representando 53,2% do estoque disponível.

Oferta em números

O número de imóveis residenciais ofertados em novembro em Curitiba foi de 8.502 unidades, apresentando queda de 2,1% na oferta de novembro desse ano na comparação com mês passado e queda de 20% com novembro do ano passado. Na comparação dos trimestres queda de 19,5% na comparação com 2017 e de 25,6% com 2016.

O índice de Locação Sobre Oferta (LSO) dos imóveis residenciais foi de 13,6%, caracterizando aumento de 2,1pps (pontos percentuais) em relação ao mês anterior e aumento de 2,2pps com novembro de 2017. O trimestre de 2018 teve aumento de 2,2pps comparado com o mesmo período de 2017 e de 3,9pps com 2016.

Negociação

            A estimativa de negociação nos residenciais em novembro foi de 1.159 unidades. Aumento de 16,1% com relação ao mês anterior e queda de 4,2% com relação a novembro de 2017. Queda de 3,2% na média do trimestre desse ano com ano passado e em comparação com o mesmo período de 2016, aumento de 6,8%. redacao2@lidemultimidia.com.br

Talvez você se interesse por estes artigos

Fechar Menu