Ônibus da Cultura levou arte gratuita para mais de 10 mil pessoas

O Ônibus da Cultura encerrou seus primeiros seis meses de circulação pelos bairros de Curitiba com um público total de 10 mil pessoas. Com programação totalmente gratuita, é realizado pelo Solar do Rosário por meio de projeto aprovado na Lei Rouanet, contando também com parceria da Prefeitura de Curitiba. A última apresentação do ano aconteceu na semana passada, na Rua da Cidadania do Bairro Novo. Em fevereiro o Ônibus da Cultura volta a rodar por parques, praças, Ruas da Cidadania e escolas da rede pública.

Foram 50 apresentações, estacionando em locais como parques, praças, escolas públicas e Ruas da Cidadania. A circulação percorreu 30 bairros, da região central até os mais distantes. Só em dezembro, por exemplo, o Ônibus estacionou no Cajuru, Boqueirão, Santa Felicidade, Campo de Santana, Tatuquara e Fazendinha, entre outros. Foi no Cajuru, inclusive, a estreia do projeto, em junho deste ano.

As escolas da rede pública de ensino também ganharam destaque na programação, com nove eventos, incluindo centros voltados à educação de pessoas com necessidades especiais. Na APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Santa Felicidade, 200 alunos PNE puderam se divertir com atrações artísticas. A aldeia Kakané Porã, em Campo de Santana, também recebeu o Ônibus, em dezembro.

"As duas palavras mais importantes para descrever as reações do público são alegria e emoção", explica Lucia Casillo Malucelli, diretora do Solar do Rosário, realizador do projeto. "Em muitos lugares percebemos que as pessoas fazem questão de ajudar a desmontar as cadeiras da plateia, tiram fotos com artistas, agradecem. Tem sido muito gratificante". As atrações durante os seis meses de Ônibus da Cultura incluíram grupos circenses, músicos, companhias de teatro, duplas musicais, entre outros, num total de 20 coletivos. Houve ainda um foco em artistas dos bairros visitados, fomentando a produção cultural, estimulando novos talentos e gerando renda para artistas independentes.

Desenvolvido por meio da Lei Rouanet, o Ônibus da Cultura tem patrocínio do Grupo J. Malucelli e das empresas Blount, Greca Asfaltos e Fertipar. Conta com apoio da Prefeitura Municipal de Curitiba, Fundação Cultural de Curitiba e Serra Verde Express.

"Os patrocinadores, além de terem apoiado e serem parceiros, têm divulgado entre seu próprios colaboradores, funcionários e clientes, pois percebem, com muita alegria, a importância e o alcance do alcance cultural e social desse projeto", Lucia complementa.

O Projeto

O Ônibus Palco faz parte do projeto do Solar do Rosário chamado Artes e Patrimônio - Ônibus da Cultura, que busca levar arte, cultura e história para os bairros curitibanos. Foram projetados dois veículos adaptados, o Ônibus Palco, voltado a apresentações folclóricas, dança e teatro, entre outros, e o Ônibus Museu, que apresenta conteúdo de museus de Curitiba e do mundo de maneira interativa. Este segundo passa pela fase final de montagem.

Talvez você se interesse por estes artigos

Fechar Menu