Casal cria perfil para avaliar restaurantes no Paraná e faz sucesso! 

0
24
Imagine um casal jovem entrando em tudo que é restaurante e analisando minuciosamente toda a experiência. Então, este casal posta em um Instagram uma foto do local seguido de um longo texto analisando diversos pontos e dando uma pontuação entre 01 e 05 sobre três detalhes que todos os consumidores olham: preço, atendimento e comida. Pois é, esta a proposta do @casalfoodspg, perfil criado pela Gabriela Laginski Lippel, que aos 21 anos é acadêmica de direito da Universidade Estadual de Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná, e pelo seu namorado Carlos Gustavo Cordeiro Junior, advogado de 24 anos que faz mestrado pela mesma instituição. Com mais de 2.300 seguidores em menos de cinco meses, o perfil já faz bastante sucesso: “Fazemos uma avaliação completa incluindo atendimento, limpeza, tempo de demora, o sabor da comida, o tamanho do prato e se o preço esse vale a pena pelo que proporciona” abre o jogo Gabriela, que ao lado de seu companheiro tem o costume de comer fora de casa constantemente – principalmente quando o restaurante em questão é novo na cidade. Esse hábito, bem conhecido de seus amigos, rendia perguntas constantes sobre como era esses restaurantes. “Nossos amigos perguntavam se o local era legal,  se o preço valia a pena e se a comida era boa. Muitos amigos que vinham passear em Ponta Grossa também nos pediam dicas de onde comer  e de tanto perguntarem e procurarem a gente para estas informações é que tivemos a ideia de oficializar tudo criando um perfil. Assim poderíamos ajudar mais pessoas, e não apenas o nosso círculo  de amigos”. E o perfil veio em um dos melhores momentos. Gabriela destaca que Ponta Grossa cresceu muito e tem diversos novos locais para comer, porém os moradores ainda são muito tradicionalistas e tem medo de procurar algo diferente: “Por isso acabam comendo no mesmo lugar e nem dão chance para novos locais aparecerem. As pessoas não podem ter este medo de conhecer o novo” explica a criadora do perfil, ressaltando que a iniciativa visa incentivar a ampliação do leque gastronômico de Ponta Grossa. Dia a dia Gabriela revela que possui quatro contas de Insta e tenta manejar tudo de maneira objetiva para que ninguém fique sem respostas. Não raro o casalfoodspg recebe uma pergunta seis da tarde de alguém querendo dica para sair logo mais para jantar, por isso velocidade e interação são chaves para o sucesso: “Muitos nos pedem indicificação e respondemos e os restaurantes nos oferecem parcerias ou sorteios. Estamos sempre de olho em perfis de restaurantes para publicar no Stories, por isso temos que estar bem antenados”. E as reações negativas?Gabriela lembra duas situações negativas durante todo este tempo. Em Ponta Grossa o casal foi ameaçado indiretamente por um dono de restaurante que insistia que eles falassem bem de seu estabelecimento e em Curitiba  o casal foi mal atendido no local – sem que o restaurante soubesse quem eles era: “Tão logo postamos a nossa experiência no stories o restaurante não fez questão de ver o que tinha acontecido. Nossos seguidores começaram a comentar na página deste restaurante e eles simplesmente apagaram tudo afirmando que nada daquilo tinha acontecido”. Planos para outras cidades O perfil tem atuação marcante em Ponta Grossa por estar nesta cidade o seu maior público, mas o casal já postou sobre locais em Curitiba (pela proximidade, muitos Ponta-grossenses vão até a capital constantemente) e existem planos de fazer restaurantes das cidades perto de Ponta Grossa, como Carambeí onde o casal conhece muitas casas de tortas que serão avaliadas em breve. Quem quiser acompanhar as aventuras gastronômicas do casal basta seguir o perfil deles: www.instagram.com/casalfoodspg/

Comments are closed.