Contribuintes devem ficar atentos para não cair na malha fina da Receita, avisa especialista

0
91

O prazo para a entrega da declaração do imposto de renda termina dia 30 de abril e a contadora Luciana Falavinha alerta para detalhes importantes que podem levar o contribuinte para a malha fina este ano. De acordo com a contadora, proprietária do escritório Luciana Falavinha Contabilidade, algumas incorreções podem complicar a vida do contribuinte como os erros de digitação; e atualização de venda de bens ou renda de aluguel e a não declaração da aposentadoria.

Luciana chama a atenção também para outros erros que podem comprometer o contribuinte como a não declaração de pensão alimentícia; a declaração de despesas médicas, educação e produtos da Previdência sem comprovantes, bem como a dupla declaração de dependentes e a omissão de rendimentos e/ou declaração de valores diferentes, além da não declaração dos dependentes. “É importante que um profissional capacitado faça a declaração do imposto de renda para evitar a malha fina”, afirma.

Deve declarar este ano quem teve rendimento anual superior a R$ 28.559,70.  Algumas novidades em 2019, é a exigência da Receita Federal da informação do número do CPF de todos os dependentes, já que em 2018 a informação era facultativa e obrigatória somente nos casos de crianças a partir de oito anos. Além disso, é obrigatório dar detalhes dos bens como o número de matrícula e a inscrição do IPTU e constar a alíquota efetiva ao lado dos valores do imposto a pagar e da restituição a receber.  Escritório Luciana Falavinha Contabilidade:  telefone 41 3023 0126/99588-9507. E-mail: falecom@lucianafalavinha.com.br

Contribuintes devem ficar atentos para não  cair na malha fina da Receita, avisa especialista
A contadora Luciana Falavinha. Foto de Marianne Mousfi