Palette Exploration: os tons de azul da Pantone

0
155

As combinações foram criadas para harmonizar com a cor do ano de 2019

Não é só de Living Coral que vive a Pantone. O instituto criou cinco paletas com diversas opções para harmonizar com sua cor do ano, o intuito é aumentar as possibilidades de criação de projetos e coleções em 2019. São elas:Focal Point, Shimmering Sunset, Sympatico, Trippy e Under The Sea.

O azul é uma das grandes apostas deste ano da maior empresa de cores do mundo. A cor representa as diferentes dimensões, da expansão do céu as profundezas do mar, fazendo conexão com a espiritualidade que a Living Coral propõe.

Nos ambientes, o azul desperta as sensações de leveza, tranquilidade e segurança, sendo ideal para favorecer os exercícios intelectuais. Associada ao aconchegante mundo dos sonhos, a cor também representa as memorias, relacionando o presente e o futuro com as experiências do passado.

Inspire-se! Confira 6 projetos que apostam nos tons de azul da Pantone:

Ibiza Blue

Este studio projetado pela arquiteta Amanda Mello segue o estilo monocromático, onde os pontos de cor destacam o espaço. O Ibiza Blue, da paleta Trippy, é o mesmo azul que chama atenção a neste ambiente. Assim como a obra de arte exposta na parede, a cor da Pantone traça em seu conceito uma forma pura e não adulterada, que provoca a diversão. Sem repressão e com muita espontaneidade, esse é o tom ideal para colorir o desenho repleto de expressividade do artista André Mendes.

Crédito: Marcelo Stammer.

Barrier Reef

Ainda na paleta Trippy, o tom exuberante da cor Barrier Reef. A cor forte e vibrante das paredes reforça o idealismo que o azul carrega, fazendo do espaço o cenário perfeito para aprimorar o poder criativo e as formas de expressão. Neste projeto, os ambientes também conversam entre si. O Studio Boscardin.Corsi deixou o olhar atento e o pensamento fluírem de forma conjunta, em harmonia. Como resultado, não foi preciso fechar as portas para obter uma bela composição com as paredes azuis!

Crédito: Eduardo Macarios

Turkish Sea

As cores da paleta Under The Sea são inspiradas nas profundezas do mar, propondo a experiência de submergir no caloroso acolhimento que a natureza proporciona. Os ambientes integrados desse apartamento tem tudo a ver com a proposta da Pantone de procurar um refúgio. O projeto, assinado pelo BE. Studio Arquitetura e Design, é o espaço perfeito para encontrar calmaria em meio ao agito da rotina atribulada. Um lar que explora a cor azul traz leveza, tranquilidade e aconchego para o dia a dia.

Crédito: Albori Ribeiro

A Turkish Sea também é um refúgio para quem quer fugir da diversidade colorida. O tom de azul é vivo e cromático, possibilitando inúmeras composições. O arquiteto Givago Ferentz apostou na cor para compor com o cinza e o preto, destacando este ambiente conjugado.

Crédito: Gustavo Lubian

Blue Depths

A cor, mais uma opção da paleta Under The Sea, está associada às experiências duradouras. Esta estabilidade é, inclusive, uma das principais sensações que o azul transmite. Neste ambiente projetado pela Volpi Arquitetura, o tom é essencial para criar a atmosfera de sobriedade e segurança que o lar de um médico, na faixa etária dos 50 anos.

Crédito: Nenad Radovanovic

A Blue Depths também traz aconchego. Neste projeto, assinado pela arquiteta Alessandra Gandolfi, o tom forma uma composição com a paleta de cores neutras, as diferentes texturas e a iluminação para criar um espaço íntimo e confortável. O azul dá um toque de sutileza, trazendo harmonia e dando destaque ao ambiente.

Crédito: Eduardo Macarios

Por que não explorar diferentes tons de azul no mesmo ambiente? Nesta sala projetada pela arquiteta Samara Barbosa, a combinação das cores Blue Depths do sofá e Turkish Sea da mesa trazem vida ao espaço.

Crédito: Marcelo Stammer

Comments are closed.