Previdência privada pode garantir conforto na terceira idade

Gerente da Porto Seguro no Paraná lembra que as vantagens de contratar um plano individual vão além da dedução no Imposto de Renda

A previdência privada é um tema recorrente no Brasil quando se discute planos para o futuro. Afinal, é uma complementação à previdência pública e busca garantir aos trabalhadores uma segurança financeira quando chegar a hora da aposentadoria. O serviço funciona de forma proporcional, garantindo ao contribuinte o valor recebido de acordo com os valores das parcelas pagas mais os rendimentos.

“A previdência privada traz várias vantagens práticas, como a possibilidade da dedução no IR, mas o mais importante é que o investimento possibilita uma segurança no futuro, pois é uma forma de guardar o dinheiro e garantir uma aposentadoria mais tranquila”, recomenda Luciana Gomes, gerente da Porto Seguro no Paraná.

A executiva destaca algumas dicas para quem está em dúvida sobre investir. “A forma mais inteligente de guardar é, de fato, começando. Muitas pessoas acham que é necessário um valor alto de investimento inicial e vão adiando. Mas começar com um valor baixo, para depois ir aumentando, já é um primeiro passo. É possível começar, por exemplo, com R$ 200. Ao fazer um plano, o investidor escolhe o melhor valor para contribuir e a periodicidade com que essa contribuição vai ser feita. Conforme o tempo vai passando, a reserva financeira vai aumentando e, consequentemente, seu lucro”, aconselha.

Facilidade no Imposto de Renda

Os brasileiros têm até o dia 30 de abril para declarar o Imposto de Renda referente a 2018. Quem tem um plano de previdência modalidade PGBL (Plano Gerador de Benefício Livre) e aproveitou o ano anterior para realizar aportes extras, tem agora uma vantagem na hora de acertar as contas com o leão, pois vai poder deduzir os valores em até 12% da renda bruta anual tributável, o que significa pagar menos ou restituir mais Imposto agora.

Vale lembrar que isso é um adiamento do imposto,  que será cobrado no resgate ou no pagamento do benefício lá na frente. Então, a dica é reinvestir o valor da dedução no próprio plano para aumentar a reserva futura. Outra dica é optar pelo regime regressivo de tributação e manter cada contribuição aplicada por mais de 10 anos, pois nesse caso o investidor terá uma uma alíquota de 10% na hora de retirar o dinheiro. É recomendável, também, incluir no plano as coberturas de renda e pensões, pois elas irão proteger o indivíduo e a família em caso de imprevistos financeiros.

Sobre a Porto Seguro

A Porto Seguro é uma empresa brasileira com mais de 70 anos de mercado e está entre as maiores seguradoras do País, ocupando a primeira posição nos ramos de Seguro Auto e Residência. Atualmente, são quase 20 milhões de clientes, 13 mil funcionários, 16 mil prestadores e 35 mil corretores parceiros. A companhia tem ainda 103 sucursais e escritórios regionais em todo o Brasil. O Grupo Porto Seguro é formado por 27 empresas – entre elas Azul Seguros e Itaú Seguros de Auto e Residência – que atuam nos mais diversos ramos como seguros, produtos financeiros, serviços de emergência e conveniência, proteção e monitoramento, plano de saúde para Pets, entre outros. Em 2018, o lucro líquido da companhia foi de R$ 1,3 bilhão.

Comments are closed.