Universidade promove Hackathon de Carreiras na área de TI

0
841

As inscrições para o segundo Hackathon de Carreiras da Universidade Positivo já estão abertas. Nesta edição, o evento reúne profissionais relacionados à área de Tecnologia da Informação para uma maratona de workshops e desenvolvimento de novas competências para o mercado de trabalho atual. Voltado a profissionais que estejam em busca de inserção ou recolocação profissional, o Hackathon oportuniza o contato com diversas empresas que possuem vagas abertas na área de TI.

Para a seleção, serão avaliadas hard skillssoft skills, lógica, além da competência técnica. Com o intuito de atrair participantes de várias regiões do país, o evento oferece uma ajuda de custo para os interessados em participar que residam a mais de 150 km de Curitiba.

Para o coordenador geral do Centro de Tecnologia da Informação da Universidade Positivo, Kristian Capeline, a ação é uma forma de atrair talentos para uma área que está em crescimento no país. “Esse mercado está aquecido e faltam profissionais qualificados para preencher as demandas das empresas. O Hackathon visa promover esse encontro e gerar oportunidades”, explica.

As vagas são gratuitas e limitadas. Os interessados podem se inscrever até o dia 10 de novembro pelo site www.up.edu.br/hack-ti. Depois da inscrição, os candidatos pré-selecionados passarão por testes técnicos entre os dias 15 e 20 de novembro, que irão classificar 600 participantes para o evento, que acontece no dia 30 de novembro. Durante o dia, os candidatos serão avaliados e apenas  200 serão selecionados para o pitch final. Para mais informações, acesse: www.up.edu.br/hack-ti.

 

Serviço

Hackathon de Carreiras – edição TI

Inscrições: até 10 de novembro

Data: sábado, 30 de novembro

Horário: das 7h às 20h

informações: www.up.edu.br/hack-ti

Local: Universidade Positivo (Rua Professor Pedro Viriato Parigot de Souza, 5.300 – Curitiba – PR)

 

Sobre a Universidade Positivo

A Universidade Positivo concentra, na Educação Superior, a experiência educacional de mais de quatro décadas do Grupo Positivo. A instituição teve origem em 1988 com as Faculdades Positivo, que, dez anos depois, foram transformadas no Centro Universitário Positivo (UnicenP). Em 2008, foi autorizada pelo Ministério da Educação a ser transformada em Universidade. Atualmente, oferece mais de 60 cursos de Graduação presenciais, quatro cursos de Doutorado, sete cursos de Mestrado, mais de 190 programas de Especialização e MBA, sete cursos de idiomas e dezenas de programas de Extensão. A Universidade Positivo conta com três unidades em Curitiba, uma unidade em Londrina (PR), uma unidade em Joinville (SC), além de polos de Educação a Distância (EAD) em mais de 60 cidades espalhadas pelo Brasil. Em 2018, a Universidade Positivo foi classificada entre as 100 instituições mais bem colocadas no ranking mundial de sustentabilidade da UI GreenMetric.

Universidade promove Hackathon de Carreiras na área de TI

Primeira edição aconteceu em agosto e teve mais de 7 mil inscritos
GD9

Comments are closed.