Nestlé, DHL Supply Chain e Bosch contratam robô brasileiro como novo membro da equipe

As aquisições do Tinbot visam acelerar ainda mais a adoção de inovação disruptiva nas empresas

Desde sua criação, o Tinbot, primeiro robô brasileiro colaborativo que reúne Inteligência Artificial, Cognição e IoT (Internet of Things), vem conquistando a simpatia de todos que o encontram. Não só pelo seu design e personalidade, mas principalmente pela experiência diferenciada e inovação que proporciona às empresas.

O Tinbot já foi adquirido por mais de 30 empresas como UniCesumar e Evoa Aceleradora, onde atua na recepção de visitantes, Sicoob para gerenciamento de indicadores, no Hotel Villa Rossa como concierge, na Becomex como auxiliar na gestão de projetos, no Colégio Objetivo de Maringá e para a empresa angolana Ucall, onde ajudará no monitoramento de processos e indicadores internos.

Entretanto, a lista de clientes do Tinbot não para de crescer. Começando 2020 já com novidades, o robô brasileiro foi adquirido por três marcas líderes em seus segmentos. Estamos falando de nada menos que a gigante suíça, Nestlé, e as alemãs DHL Supply Chaine Bosch.

A Nestlé adquiriu o Tinbot para brilhar em sua nova sede administrativa em São Paulo, localizada na avenida das Nações Unidas, zona sul da capital. A nova sede da maior empresa de alimentos do mundo no país, reflete o momento atual da companhia, com olhar estratégico para a inovação e a transformação digital. É aí que entra o novo “colaborador” não humano da empresa. O Tinbot será empregado para repasse de informações sobre produtos.

Já na alemã do setor de logística internacional e correio expresso, a DHL Supply Chain, o Tinbot será responsável por acompanhar os feedbacks do novo sistema integrado de indicadores individuais dos colaboradores. Para esse mesmo fim a marca encomendou três Tinbots aos clientes HP, Lego e Unilever. As três unidades de negócios da DHL que operam nas Américas e no Brasil estão comprometidas em investir nos próximos anos no desenvolvimento e na adoção de novas tecnologias que sejam capazes de melhorar as operações, aprimorar a experiência do cliente, reduzir os custos e facilitar melhores processos de trabalho para seus colaboradores.

A Bosch, uma líder global no fornecimento de tecnologias e serviços, oferece soluções inovadoras com foco na Internet das Coisas para casas e cidades inteligentes, mobilidade e indústria conectadas, adquiriu o robozinho mais amado do Brasil para emprestar sua inovação na interação com o público interno e externo nos eventos que participa. Também faz parte da estratégia da Bosch estudar novas formas de uso do Tinbot em sua área de inovação.

Desenvolvido pela Tinbot Robótica, startup parte do DB1 Group, grupo de empresas brasileiras de tecnologia com sedes no Brasil, Argentina e EUA, o robô conta com fala natural em português, reconhecimento facial e de voz, gestos e expressões, além de ser integrável a outros sistemas por meio de APIs, possibilitando interatividade e personalidade humanizada. Fora isso, permite que cada empresa personalize e programe a plataforma de acordo com suas necessidades.

Na mídia, o Tinbot foi um dos protagonistas da série “O Melhor do Brasil é o Brasileiro”, da Globonews, participou da última temporada de um dos mais importantes programas sobre games na televisão brasileira e no Jornal Nacional e no segundo semestre de 2019, foi “engolido pelos tubarões” do reality Shark Tank e recebeu investimento de João Appolinário, da Polishop.

Comments are closed.