5 dicas do que fazer para substituir as duas horas que você perdia no trânsito para ir ao trabalho

A pandemia de coronavírus te tirou do trânsito, mas você não sabe o que fazer com as ‘horas a mais’ no seu dia? Um time de médicos e especialistas explicam os benefícios de usar essas duas, três ou até quatro horas para implantar bons hábitos

Não completamos nem um mês de isolamento social por conta da pandemia de Covid-19 e, para muitos, pode parecer entediante ficar em casa, mas vamos voltar a algumas semanas atrás quando as horas perdidas no trânsito eram o objeto da sua reclamação. Você realmente tem do que reclamar agora? Pois é, inúmeras notícias destacaram o quanto o isolamento social e a possibilidade de home office diminuíram o número de carros circulantes e o trânsito de pessoas nas cidades. Muitas pessoas perdiam de duas a quatro horas por dia com o trânsito de ida e volta de casa ao trabalho. Por isso, agora é o momento de aproveitar essas “horas a mais no dia” para fazer algo valioso para sua saúde. “Pense nas horas de trânsito que você perdia e o que você poderá fazer com isso em prol da sua saúde. Se te faltava tempo para iniciar uma rotina de atividade física, agora não falta mais e, dentro de casa, é possível se mexer e começar a criar bons hábitos”, afirma a dermatologista Dra. Claudia Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia. Consultamos médicos e especialistas para dar dicas do que fazer com essas horinhas a mais no seu dia:

Comece a cozinhar e coma saudavelmente – Com os restaurantes e fast-foods fechados, é hora de assumir as rédeas da cozinha e começar a preparar suas refeições para iniciar ou manter uma dieta equilibrada, uma vez que comer saudavelmente é uma das melhores maneiras de ajudar a sua saúde. “A alimentação possui um papel fundamental na manutenção e fortalecimento do organismo, pois é responsável por fornecer nutrientes essenciais para as funções orgânicas, inclusive as imunológicas”, afirma a Dra. Marcella Garcez, médica nutróloga e professora da Associação Brasileira de Nutrologia. Busque receitas na internet e inclua na dieta alimentos fontes de nutrientes para dar um “up” no seu sistema imunológico, principalmente aqueles ricos em Vitamina A (cenoura e abóbora), Vitamina C (kiwi e laranja), Vitamina B6 (aveia e banana), Vitamina E (carnes e ovos), Selênio (arroz integral e castanha do pará) e Zinco (frango e grãos integrais). Uma boa dica é usar o horário que antes era perdido no trânsito para preparar as refeições do dia. Ao mesmo tempo, fuja dos doces, dos carboidratos e dos laticínios em excesso. “Em geral, qualquer alimento que cause inflamação e liberação de radicais livres são danosos para o nosso corpo em geral e para a pele. Os mais comuns são os carboidratos de menor valor glicêmico como açúcares, massas de farinha branca e alimentos com gordura saturada como as frituras”, afirma a cirurgião plástico Dr. Mário Farinazzo, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Afaste o estresse – Se sua memória é boa, você se lembra que o trânsito, apesar da convivência durante muito tempo com ele, não era seu melhor amigo. Aliás, o trânsito podia ser até uma das fontes do seu estresse. “Por isso, essa é uma boa hora também para entrar em contato consigo mesmo, fazer coisas que gosta, cuidar da aparência… Pratique meditação, mindfullness. O tempo de recuperação é extremamente importante para manejo de estresse”, afirma a Dra. Aline Lamaita, angiologista e membro do American College of Lifestyle Medicine. “Para quem está fazendo home office, assim que ‘sair’ do trabalho, é necessário detox para esses neurônios. Use essas horas que você perdia no trânsito para cozinhar, fazer exercício físico em casa, brincar com o filho, jogar cartas com a família, ler um bom livro, cuidar da pele, tudo e qualquer coisa que você goste e o faça desconectar”, aconselha a Dra. Beatriz Lassance, cirurgiã plástica e membro do Colégio Brasileiro de Medicina do Estilo de Vida.

Valorize mais seus amigos – Quem é seu amigo realmente nesse mundo de seguidores em redes sociais? Nessas horas em que estamos em isolamento social, ainda podemos e devemos lembrar deles para cultivar o bem-estar emocional. Agora, as horas a mais por dia sem trânsito, que te deixava cansado o suficiente para não ligar para os seus amigos, são oportunidades para cultivar as amizades. “A sociabilidade está diretamente ligada à longevidade. É importante cultivar amigos reais, curtidas em redes sociais não são suficientes. Um importante estudo de Harvard que já dura 75 anos mostra que pessoas que se consideram felizes são as que têm mais relações sociais, ou seja, amigos e família, independente do nível sociocultural”, afirma a Dra. Beatriz. Aproveite esse momento para ligar para eles, manter estreita essa relação, apesar da distância, e jogar conversa fora ou contar alguma novidade.

Fique ativo – Quantas vezes você quis iniciar a prática de atividade física, mas as horas no trânsito te impediram porque deixariam seu dia muito cansativo? Pois agora, mesmo que as academias estejam temporariamente fechadas, é importante manter-se ativo em casa. Busque na internet sugestões de treinos leves e aos poucos vá evoluindo para treinos curtos e pesados. “É importante manter-se ativo em casa, pois o exercício físico, quando praticado de forma regular traz uma série de benefícios para a saúde, inclusive para a pele. A atividade física (incluindo exercícios aeróbicos, musculação e alongamentos) é importante em diversos aspectos”, afirma a Dra. Beatriz Lassance. “Com a atividade física, também temos aumento de antioxidantes endógenos, que combatem os radicais livres; isso leva ao retardamento do envelhecimento, com efeito antiaging”, afirma a Dra Aline Lamaita. Além disso, a atividade física dentro de casa pode evitar problemas como trombose, que tende a aparecer mais em pessoas sedentárias. E acredite: gastando energia, seu sono ficará muito melhor. “E isso ótimo, pois o momento do sono é restaurador para a pele e para outros órgãos do corpo. Quando não dormimos direito não permitimos que as células sejam renovadas e os radicais livres eliminados”, afirma o Dr. Mário.

Inicie uma rotina skincare – “Durante a quarentena, é importante tentar buscar o bem-estar mental e a autoestima. Uma rotina, por exemplo, faz parte de um estilo de vida saudável, e nos ajuda a manter a cabeça no lugar. E para muitas pessoas, cuidar da pele faz parte do dia a dia. Se ainda não faz parte da sua, agora é a hora”, afirma Isabel Luiza Piatti, especialista em Estética e Cosmetologia e Membro do Conselho Científico da Academia Brasileira de Estética Científica – ABEC. “Comece com a higienização das mãos com água e sabão. Em seguida, com as mãos limpas, higienize o rosto com o uso de um sabonete específico ao seu tipo de pele. Na sequência, use tônico hidratante para peles mais secas ou seborregulador para peles oleosas. O uso do sérum ou creme hidratante na sequência é ideal e, nele, deve conter substâncias como ácido hiaurônico de alto e baixo peso molecular, Hyaxel, Alistin, Vitamina C e óleos vegetais. Por fim, o filtro solar ainda deve ser usado, mesmo em casa, para evitar que a radiação e a luz visível danifique a pele”, diz a Dra. Claudia Marçal. Também não esqueça de cuidar do cabelo, usando máscaras de hidratação, e do corpo, apostando na esfoliação e hidratação corporal, que geralmente são esquecidas no dia a dia.

FONTES:

*DRA. CLAUDIA MARÇAL: É médica dermatologista, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), da American Academy Of Dermatology (AAD) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD). É speaker Internacional da Lumenis, maior fabricante de equipamentos médicos a laser do mundo; e palestrante da Dermatologic Aesthetic Surgery International League (DASIL). Possui especialização pela AMB e Continuing Medical Education na Harvard Medical School. É proprietária do Espaço Cariz, em Campinas – SP.

*DR. MÁRIO FARINAZZO: Cirurgião plástico, membro Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e Chefe do Setor de Rinologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Formado em Medicina pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), o médico é especialista em Cirurgia Geral e Cirurgia Plástica pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Professor de Trauma da Face e Rinoplastia da UNIFESP e Cirurgião Instrutor do Dallas Rinoplasthy™ e Dallas Cosmetic Surgery and Medicine™ Annual Meetings. Opera nos Hospitais Sírio, Einstein, São Luiz, Oswaldo Cruz, entre outros. www.mariofarinazzo.com.br

*DRA. BEATRIZ LASSANCE: Cirurgiã Plástica formada na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e residência em cirurgia plástica na Faculdade de Medicina do ABC. Trabalhou no Onze Lieve Vrouwe Gusthuis – Amsterdam -NL e é Membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, da ISAPS (International Society of Aesthetic Plastic Surgery) e da American Society of Plastic Surgery. Além disso, é membro do American College of LifeStyle Medicine e do Colégio Brasileiro de Medicina do Estilo de Vida.

*DRA. ALINE LAMAITA: Cirurgiã vascular e angiologista, Dra. Aline Lamaita é membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular, da Sociedade Brasileira de Laser em Medicina e Cirurgia, do American College of Phlebology, e do American College of Lifestyle Medicine. Formada pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, a médica participa, na Universidade de Harvard, de cursos de pós-graduação que ensinam ferramentas para estimular mudanças no estilo de vida nos pacientes em prol da melhora da longevidade e qualidade de vida. A médica possui título de especialista em Cirurgia Vascular pela Associação Médica Brasileira / Conselho Federal de Medicina. http://www.alinelamaita.com.br/

*ISABEL LUIZA PIATTI: Isabel Luiza Piatti – Especialista em Estética e Cosmetologia, embaixadora do CIA – Centro e Instituto Internacional de Aprimoramento e Pesquisas Científicas, Membro do Conselho Científico da Academia Brasileira de Estética Científica – ABEC. Profissional Aisthesis. Tecnóloga em Estética e Imagem Pessoal. Técnica em Estética. Pós-Graduanda em Estética e Exercício Físico na Saúde da Mulher. Especialista em Cosmetologia. Especialização em Escolas de Estética e Terapias Alternativas na Europa, na área Facial, Corporal e Bem-Estar. Palestrante no VI Congresso Mundial de Medicina Estética da IAAM/ASIME. Palestrante em Congressos da área da Saúde Estética Nacionais e Mundiais. Consultora técnica de revistas e sites da área de Beleza e Estética. Autora dos Livros “Biossegurança Estética & Imagem Pessoal – Formalização do Estabelecimento, Exigências da Vigilância Sanitária em Biossegurança” e “Gestantes: Cuidados Estéticos Durante a Gravidez”.

[email protected]

Comments are closed.