Maison Alto da Glória, empreendimento da linha Maison inspirado em estilo europeu, é lançado em Curitiba

Projeto é assinado pela GT Building e se baseou nas arquiteturas e culturas francesa, austríaca e suíça para definir o design

A GT Building, em parceria com a Essex Holding e com a Blue, lançou, na terça-feira (10), o Maison Alto da Glória. O imóvel faz parte da linha Maison, que é uma das linhas de maior sucesso relacionadas ao conceito alto padrão da incorporadora.

O Maison Alto da Glória terá 68 unidades distribuídas em duas torres, que contarão com apartamentos tradicionais (entre 75m² e 106m²), cinco unidades garden (125m² a 221m² privativos mais terraço) e sete apartamentos cobertura (entre 118m² e 204m² privativos mais terraço).

No pavimento térreo estarão os apartamentos garden, os salões de festas, os halls de entrada, a brinquedoteca e piscina. Outro destaque será o espaço fitness, que foi planejado principalmente para práticas de saúde e controle muscular como ioga e pilates. Ao todo, o empreendimento terá área total de mais de 12 mil m² construídos (12.258,17m²).

Alysson Sanches, diretor da GT Building, ressalta que o Maison Alto da Glória reafirma o sucesso dessa linha no mercado. “Entregamos o Maison 29 com quase todos os apartamentos vendidos e seguimos com um bom volume no Maison Champagnat. Esses resultados comprovam que o estilo Maison tem conquistado o público curitibano e, por isso, continuaremos apostando nessa linha, que traz o encontro da localização privilegiada com o projeto ideal”, diz.

Inspiração internacional

Inspirado na arquitetura francesa, o Maison Alto da Glória tem traços parecidos com o Maison 29, que foi entregue nas Mercês em janeiro, e com o Maison Champagnat, que está em processo de edificação no Bigorrilho (ambos em Curitiba). O design, mesmo sendo clássico, é contemporâneo e traz o equilíbrio ideal entre modernidade e tradicionalismo.

Além disso, a localização do novo empreendimento, que será construído na Rua Maria Clara, no Alto da Glória, é bastante alinhada ao que o imóvel quer transmitir às pessoas que morarem lá: é cercado de natureza e remete ao clima romântico da França.

Mas, além do país europeu, outras regiões serviram de inspiração para a arquitetura, o design e o paisagismo do Maison Alto da Glória. Um exemplo é a utilização da planta Edelweiss, originária dos Alpes da Áustria e da Suíça e que possui um formato estrelado. Suas pétalas são brancas aveludadas e o centro possui um amarelo cinzento, sendo que o nome em alemão significa “branco nobre”. Porém, o principal motivo para que a Edelweiss faça parte dos detalhes do empreendimento da GT Building é uma lenda que conta uma história de amor. A história reproduzida pelos austríacos diz que a flor nasceu das lágrimas de uma jovem virgem e que quem recebe a planta recebe também o “talismã do amor”, já que o percurso para a pegar é muito difícil e só faz isso quem quer provar que o sentimento é verdadeiro.

Claudia Machado e Elaine Zanon, da Arquitetare, são as responsáveis pelo design de interiores do Maison Alto da Glória e afirmam que a mistura de inspirações internacionais é um dos principais diferenciais do empreendimento. “Desenvolver o projeto de interiores do edifício foi uma experiência especial e única porque cada ambiente possui algo que chama atenção e combina com os outros espaços. Todas essas tendências harmonizam entre si, personalizam os ambientes e dão originalidade ao Maison Alto da Glória”, declaram.

Saiba mais sobre o empreendimento em Maison Alto da Glória, no site da GT Building ou visite o decorado em Av. N. Sra. Aparecida, 48 – Seminário, Curitiba – PR.  [email protected]

Comments are closed.