Empresa sediada em Curitiba investe R$4 milhões para inaugurar unidades nos Estados Unidos e na Argentina

Com a implantação das sedes e a digitalização completa de seus processos, a empresa de tecnologia Gateware pretende crescer 60% em 2020

Empresa sediada em Curitiba investe R$4 milhões para inaugurar unidades nos Estados Unidos e na Argentina

Crédito: Tatiane Abib/Divulgação

Mesmo em meio à crise do Coronavírus, a empresa curitibana de tecnologia da informação Gateware segue expandindo seus negócios e pretende crescer 60% em 2020, além de aumentar a oferta de clientes em 50%. Para isso, a empresa inaugura nos próximos dias uma unidade em Nova York, nos Estados Unidos. Ao longo dos próximos dois anos, deverão ser investidos R$2 milhões na consolidação da sede da empresa em solo americano e na formação de uma equipe de 15 pessoas.

O mesmo valor também será investido até 2022 para a expansão das ações e a formação de uma equipe de 30 pessoas em Buenos Aires, na Argentina, na Argentina, onde a empresa já possui uma operação comercial desde o ano passado. Ambos os investimentos no exterior serão realizados para atender a duas grandes empresas do ramo de bebidas. No Brasil, a Gateware está presente em Curitiba (onde está sediada), São Paulo e Rio de Janeiro.

O CEO da empresa, Francisco Ferreira, explica a importância dos investimentos. “Ambas as sedes terão operações independentes e visam expandir de maneira estratégica o nosso trabalho para clientes no exterior. Há uma demanda crescente por serviços e por gestão de projetos na área de tecnologia da informação, especialmente em um momento em que as empresas buscam aumentar sua eficiência e otimizar seus recursos”, afirma. A Gateware é especialista em gestão de projetos, produção de softwares, alocação profissional e possui parceria estratégica com a SAP, uma das gigantes da tecnologia em nível global.

No Brasil, a Gateware também realizou em abril a compra da startup Bexpo, companhia especializada em soluções de inovação voltada para a área da Previdência Social. O principal produto da Bexpo é o aplicativo LivID, que permite que os idosos possam fazer a prova de vida de maneira totalmente digital para a obtenção de pagamentos de aposentadorias ou de pensão.

Em dois meses, com a expansão da atuação comercial, a Bexpo dobrou o número de clientes, chegando a mais de 15 mil beneficiários, e aumentou em 400% o número de possíveis interessados na solução. A meta da Gateware é que o aplicativo alcance mais de um milhão de aposentados e pensionistas em três anos.

Segundo Francisco, a expansão da atuação da Bexpo contribuiu para manter o crescimento da Gateware em um momento em que havia uma desaceleração do mercado. De acordo com ele, a Gateware buscará expandir seus negócios para a área de produtos, incluindo a realização de novas aquisições. “Com a experiência da Bexpo em inteligência artificial e reconhecimento facial, implantamos uma área dedicada ao desenvolvimento de soluções inovadoras e queremos colaborar para o aprimoramento e a expansão do LivID. Também queremos, para 2021, adquirir uma empresa que possua um produto inovador, com importante apelo social e utilizar a nossa expertise para expandi-lo”, destaca ele.

Os investimentos na Bexpo fazem parte de uma reestruturação da Gateware causada pela crise do coronavírus. A empresa realizou novas contratações nas áreas comercial, inovação, marketing e gestão e instituiu o home office para todos os funcionários (que antes podia ser feito uma vez por semana). Para reforçar o trabalho remoto, implantou a ferramenta Workplace, do Facebook, para a comunicação integrada entre os funcionários e a utilização de ferramentas de controle de tarefas e organização de demandas, contratação de funcionários e CRM para relacionamento com clientes. A tecnologia faz parte do processo de digitalização completa da Gateware que deve acontecer nos próximos três anos e permitirá o trabalho 100% remoto para qualquer colaborador.

“Tivemos que adaptar rapidamente alguns de nossos investimentos pensando nessa nova cultura. Entendemos que a digitalização é uma prioridade no momento e se tornará cada vez mais essencial mesmo após o fim da pandemia. Além disso, também é um processo que colabora para a redução de alguns custos nossos como aqueles com infraestrutura. Esse é um momento da criação de confiança na realização de negócios de maneira digital e queremos estar à frente desse movimento, com um trabalho eficiente e uma oferta de serviços atrativa à realidade dos clientes”, explica.

A atuação da Gateware

A Gateware iniciou as suas operações como fabricante de softwares para grandes empresas do Brasil. Embora ainda tenha forte atuação na área, o grande crescimento passou a ser na área de gestão de projetos que aumentem a eficiência das operações nas empresas. A empresa possui uma metodologia própria de gestão que conta com o auxílio de equipes multidisciplinares para acompanhar o desempenho da equipe envolvida e buscar a correção de falhas, o cumprimento de metas e a máxima eficiência na busca por resultados. Entre os diferenciais está parceria estratégica com a SAP para a implantação de ERP.

A Gateware utiliza a sua expertise na área de tecnologia da informação para a contratação de profissionais de tecnologia valorizados no mercado para serem alocados em empresas. Além disso, com a aquisição do aplicativo LivID, também passa a atuar no aprimoramento e desenvolvimento de soluções para produtos inovadores. Atualmente, a Gateware conta com mais de 50 clientes em todo o Brasil e no exterior.

[email protected]

Comments are closed.