Rede Lojacorr registra alta na venda de consórcios no semestre

0
154

Enquanto a pandemia, num dia restringe o trabalho e no outro flexibiliza, muitos negócios aprendem como manterem-se ativos, gerando renda para o Brasil. Esse foi o caso da Rede Lojacorr Consórcios, administrada pela BR Consórcios, que fechou o 1º semestre com mais de R$ 20 milhões de produção, mantendo a meta anual da empresa em 46 milhões até o final do ano, mesmo com a pandemia. Apenas em junho, o resultado de consórcios foi de R$ 4,7 milhões. 

Em 2018, a Lojacorr realizou mais de R$ 28 milhões em vendas de Consórcio, já em 2019 houve um crescimento aproximado de 30% com o total de vendas de R$ 37 milhões, encerrando o exercício com 700 cotas vendidas, resultado creditado a mais de 220 corretoras da Rede. A ABAC – Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios no Brasil divulgou em boletim que o impacto no sistema foi sentido mais a partir da segunda quinzena de março. Nos quatro primeiros meses do ano, o Sistema de Consórcios atingiu 845,55 mil adesões (jan-abr/2020) contra 924,70 mil (jan-abr/2019), equivalente a 8,6% de retração em relação ao mesmo quadrimestre do ano passado.

De acordo com Geniomar Pereira, diretor Comercial da Rede Lojacorr, estão sendo feitos esforços diários para minimizar os impactos causados pelo coronavírus. O empenho está sendo intenso para potencializar os resultados neste período de crise econômica. “Estamos conseguindo reverter um cenário de queda na produção, investindo em públicos de investidores, acreditando no perfil de público usuário do sistema de consórcios”.

José Roberto Luppi, diretor comercial da BR Consórcios, parceira da Rede Lojacorr, diz que os segredos de consórcios, que vem sendo feitos desde abril, não foram bem segredos, apenas movimento e proatividade. As dicas de vendas para reverter a crise econômica do País vêm sendo atuar da mesma forma que antes da pandemia, só que com as restrições de convívio e cuidados extremos de higiene. “Da mesma forma que a Rede Lojacorr, a BR Consórcios agiu rápido para colocar a equipe comercial e operacional em home office e adaptar o trabalho a esse novo modelo, sem alterações nos processos. Assim, o trabalho acentuado pela produção continuou em prol do crescimento dos negócios”, explica.

Comments are closed.