TIM registra R﹩ 260 milhões de lucro líquido no 2T20

0
365

A TIM lucrou R$ 260 milhões no segundo trimestre de 2020, acima de projeções de analistas de mercado, apesar da queda de 23,9% quando comparado ao mesmo período do ano passado. A receita de serviços reduziu 3,4% A/A no 2T20, refletindo os impactos da pandemia, mas já começa a apresentar recuperação (+1,5% Jun/20 vs. Abr/20).

A empresa conseguiu reduzir em 15,6% o indicador de inadimplência no comparativo anual. Mesmo em um cenário de crise, a operadora registrou no período EBITDA normalizado de R$ 2,0 bilhões, aumento de 0,9% na comparação anual. A margem EBITDA normalizada foi de 49,6%, mantendo expansão contínua A/A por 16 trimestres, com crescimento de 3,6 pontos percentuais.

A banda larga fixa da operadora, o TIM Live, obteve maior alta de receita: aumento de 29%, impulsionando a receita de serviços fixos, que chegou a R$ 255 milhões, evolução de 10,8% no período. A ultra banda larga fixa alcançou a marca de 600 mil conexões. A operadora também manteve a liderança na cobertura 4G do País: são 3.517 municípios cobertos, o que representa 94% da população urbana.