Tripla jornada: quarentena aumenta sobrecarga diária para 43% das brasileiras

Segundo ONU Mulheres, responsabilidades com as tarefas domésticas e cuidados com as crianças e com a família aumentaram para elas durante a pandemia

 

Tripla jornada: quarentena aumenta sobrecarga diária para 43% das brasileirasOs altos índices de transmissão do novo Coronavírus implicaram em mudanças no cotidiano da população brasileira. Muito além dos efeitos explícitos da pandemia causada pela Covid-19 na saúde e na economia, a quarentena também acentuou a chamada tripla jornada. O termo se refere à sobrecarga de trabalho diário, que engloba carreira profissional, afazeres domésticos e educação dos filhos.

Segundo uma pesquisa global realizada pelo Instituto Ipsos, empresa especialista em pesquisas de mercado, com a ONU Mulheres, a pandemia aumentou a disparidade de gênero e o abismo na divisão de tarefas domésticas em 17 países, incluindo o Brasil. Quando questionadas se as responsabilidades com as tarefas domésticas e os cuidados com os filhos tinham aumentado durante o isolamento, 43% das brasileiras entrevistadas afirmaram que sim, contra 35% dos homens.

A master coach em lideranças e gestão de tempo, Mônica Vialle, explica que além da saúde mental que é amplamente afetada, a profissionalização feminina também fica para trás, em comparação aos homens. “Muitas vezes, ao se tornar mãe, a mulher se sente na obrigação de deixar de lado sua carreira e se dedicar integralmente aos filhos e as tarefas de casa. Isso pode inibir seu crescimento dentro de uma empresa e até uma possível vontade de empreender”, afirma.

Mônica, que é empreendedora e se tornou mãe recentemente, conta que é preciso saber planejar, administrar o tempo de acordo com as prioridades e gerir o dia a dia com cautela, sabendo que não é possível “abraçar o mundo” sem que alguma área da vida acabe negligenciada. “Em meio a tudo isso, é preciso tirar um tempo para si, pelo menos alguns minutos por dia, seja fazendo exercícios físicos, meditação ou um tempinho de autocuidado”, explica a fundadora da MOOM Consultoria e Coaching.

 

Tripla Jornada

Antes da pandemia, muitas mulheres já viviam o peso da tripla jornada no cotidiano. Uma pesquisa realizada em 2017 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), aponta que, em média, as mulheres brasileiras dedicavam o dobro do tempo dos homens a afazeres domésticos e cuidados de pessoas: 20,9 horas por semana gastas por elas, contra 10,8 horas por semana deles. Além disso, de acordo com dados do estudo Retrato das Desigualdades de Gênero e Raça, realizado pelo Ipea, mais de 90% das mulheres declararam realizar atividades referentes à casa, enquanto dos homens apenas 50%.

 

MOOM Talks

Durante a pandemia, a coach tem produzido conteúdos sobre diversos temas como home office, saúde mental e gestão de crise. Durante o mês de agosto, está sendo  realizado o MOON Talks, uma série de seis lives  no Instagram com profissionais do mercado que discutem marketing digital, gestão de equipe e eficiência no home office. Para saber mais basta acompanhar as redes sociais da MOOM Consultoria: @moomconsultoria.

jornalismo@depropositocomunica.com