Thiago Wild vence rodada dupla e decide o torneio de Aix-en-Provence

Título deixaria o tenista bem próximo do top 100
Thiago Wild vence rodada dupla e decide o torneio de Aix-en-Provence

Thiago Wild em ação em Aix-en-Provence / Crédito: Icone Agence / Divulgação

Thiago Wild (Itaú/CBT/Asics/Wilson), número 113 do mundo, atleta do Instituto Tennis Route, do Rio de Janeiro, superou rodada dupla neste sábado e garantiu vaga na decisão do torneio challenger de Aix-en-Provence, na França, evento com premiação de 132 mil euros, jogado no saibro e que dá 125 pontos ao campeão no ranking da ATP.
Wild, jovem de 20 anos natural de Marechal Candido Rondon (PR), precisou de dois jogos por conta da chuva dos últimos dias no evento. Ele superou nas quartas de final o local Antoine Hoang, 128º colocado,por 3/6 6/2 6/1 após 2h20min e após cerca de duas horas de descanso bateu o chileno Alejandro Tabilo, 180º, por 7/6 (7/4) 6/3 após 1h37min.
Neste domingo, a partir das 10h, ele encara o alemão Oscar Otte, 219º colocado e que vem de final em Ostrava, na República Tcheca, na semana passada.
Wild, de 20 anos, buscará seu segundo título challenger. Em outubro passado ele ganhou o torneio de Guayaquil, no Equador, e entrou para a história em março ao vencer o ATP 250 de Santiago, no Chile, como o mais jovem brasileiro a vencer um torneio de primeira linha do circuito, superando marca de Gustavo Kuerten.
“Dia super legal, super positivo, dois jogos duros no mesmo dia. Thiago vemse encontrando cada mais no jogo, no nível que pode competir depois de tanto tempo parado ele pode estar de volta em um nível alto rapidamente, muito legal e satisfatório”, disse João Zwetsch, treinador que acompanha o atleta: “Vamos em frente, final jogo duro de novo , cara joga legal nessa condição, saca bem, está rápido aqui. Vamos firme em busca desse título e se aproximar do top 100 que é nosso objetivo principal desse ano”, concluiu.
A conquista deixará Thiago entre os 105 primeiros a poucos pontos do top 100. O vice-campeonato o deixará em torno dos 106, 107 do mundo.
Em Kitzbuhel, na Áustria, Marcelo Demoliner, 49º, foi superado nas quartas de final do ATP 250 ao lado do holandês Matwee Middelkoop na tarde de sexta-feira por 7/5 6/7 (7/4) 11/9 pelos cabeças de chave 3, Jurgen Melzer e Olivier Marach.

O Instituto Tennis Route conta com o patrocínio do ITAÚ, através da Lei de Incentivo ao Esporte e pelo Ministério da Cidadania do Governo Federal.

fabrizio@gallaspress.com.br