Moradias com áreas verdes ganham preferência de brasileiros

0
243

Contato com a natureza, ambientes mais frescos e arejados e sensação de bem-estar são algumas vantagens de morar próximo a parques

O modo de viver e ocupar espaços em casa passou por grandes transformações nos últimos meses. Um levantamento feito pela Spume.co – startup brasileira especializada em big data e inteligência artificial – mostra que o tempo que as pessoas têm usufruído em suas casas aumentou de 25% para 66% durante a pandemia. Com as famílias passando mais tempo “trancadas”, características como maior liberdade de espaço, acesso facilitado ao comércio e serviços diversificados e, principalmente, proximidade com áreas verdes, se tornaram sinônimos de qualidade de vida.

A busca por esse novo jeito de morar tem refletido no mercado imobiliário. De acordo com um estudo internacional da Universidade de Warwick, morar perto de áreas verdes gera um maior bem-estar mental por conta da ativação dos sentidos básicos proporcionados pela natureza, levando à redução do estresse.

A A.Yoshii tem percebido essa mudança de comportamento. A construtora paranaense possui empreendimentos de alto padrão em Maringá, com vista privilegiada para o Parque do Ingá – área de mata nativa com 474 mil m² – que tem sido referência para famílias. O gerente de unidade da A.Yoshii em Maringá, Márcio Capristo, comenta que a procura por imóveis com vista para áreas verdes aumentou durante a pandemia do novo coronavírus.

“Estar em contato com a natureza está sendo uma das exigências dos nossos clientes. Em Maringá possuímos diversas opções de imóveis próximos a áreas verdes e com projetos que caminham junto com as necessidades. Observamos que varanda e áreas mais amplas e abertas estão sendo decisivas para o fechamento de contratos. Reflexo disso é o baixo estoque nos apartamentos com vista para o parque”, explica.

Lançamentos

O empreendimento La Réserve da A.Yoshii, que será entregue pela construtora em 2022, possui plantas com apartamentos de 228 m² de área privativa. Esse será um dos primeiros prédios a oferecer um rooftop com vista de 180° graus para o Parque do Ingá, e já está com 96% das unidades vendidas.

Na mesma região, a construtora apresenta outros dois empreendimentos de alto padrão: o Maison Lumini e o Maison Heritage, com áreas privativas de 179 m² e 382 m², respectivamente. Ambos possuem vista e acesso ao Parque do Ingá, além das áreas de lazer completas e equipadas.

 

Grupo A.Yoshii

Fundado em 1965, o Grupo A.Yoshii já construiu mais de 2 milhões de m² do Sul ao Nordeste do Brasil, entre obras industriais, edifícios corporativos e residenciais, escolas, universidades, teatros e centros esportivos. É composto pela A.Yoshii Engenharia, com sólida atuação em construções de edifícios residenciais e comerciais de alto padrão em Londrina, Maringá, Curitiba e Campinas; pela Yticon Construção e Incorporação, que realiza empreendimentos econômicos, localizados em regiões de potencial valorização em municípios do Paraná e interior de São Paulo; pelo Instituto A.Yoshii, voltado para a inserção social e a democratização cultural; e atua em Obras Corporativas, atendendo a grandes corporações em suas plantas industriais, nos mais variados segmentos da economia, como papel e celulose, alimentício, químico, agronegócio, energia, assim como usinas sucroalcooleiras, centros logísticos, plantas automobilísticas, entre outros. Mais informações: www.ayoshii.com.br