O futuro está em suas mãos: os estudantes da Escola Atuação desenvolvem projeto interdisciplinar abordando “As dez habilidades do profissional do futuro”

0
172

Tal proposta visa promover uma reflexão sobre o que os jovens irão encontrar em sua futura vida profissional

O futuro está em suas mãos: os estudantes da Escola Atuação desenvolvem projeto interdisciplinar abordando "As dez habilidades do profissional do futuro”

Os estudantes do oitavo ano do ensino fundamental II, da Escola Atuação, passarão o quarto bimestre do ano letivo envolvidos em reflexões e atividades sobre o mundo e as relações de trabalho. A discussão não envolve apenas competências e habilidades necessárias para a entrada e a permanência em uma nova profissão ou que ainda vai ser inventada. Inclui também a compreensão de valores éticos fundamentais, alguns deles, absolutos. O objetivo é fazer com que o estudante desenvolva o seu potencial e se prepare não só para o mercado de trabalho, e também para a vida futura.

O Projeto Interdisciplinar de 2020 propõe uma pesquisa e o desenvolvimento de atividades práticas. Estamos ingressando em uma nova era em que a tecnologia modificará totalmente as formas de trabalho. Precisamos ficar por dentro dessas 10 habilidades do profissional do futuro e começar a desenvolvê-las com nossos estudantes.

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), as 10 habilidades do profissional do futuro são flexibilidade cognitiva, negociação, orientação para servir, julgamento e tomada de decisões, inteligência emocional, coordenação com os outros, gestão de pessoas, criatividade, pensamento crítico e resolução de problemas complexos.

O projeto

Os estudantes irão produzir uma revista individual, na qual poderão pesquisar e se aprofundar mais no tema proposto. Para produzir a revista, os estudantes terão que estabelecer planos estratégicos de modo a cumprir cada atividade do trabalho. A publicação terá de conter, obrigatoriamente, um infográfico com as dez habilidades e uma descrição resumida de cada uma delas. Uma linha do tempo vai servir para explicar o surgimento das profissões ao longo da história, a partir do surgimento de conhecimentos e de novas tecnologias no decorrer dos anos.

“O objetivo deste trabalho é contribuir com os alunos para uma formação mais pessoal”, explica Ana Lúcia Schmitdnger, coordenadora pedagógica da Escola Atuação. “O que queremos transmitir a eles é que não basta apenas ser o mais inteligente ou ter muito conhecimento técnico na área em que atua se valores como empatia, disposição à ajuda mútua, pensamento crítico e confiança nas tomadas de decisões não estiverem juntos”, avalia.

Daniel Goleman, jornalista científico e psicólogo, destaca cinco pilares para a habilidade de Inteligência Emocional. Ele descreve a Inteligência Emocional como a capacidade de uma pessoa gerenciar seus sentimentos, de modo que eles sejam expressos de maneira apropriada e eficaz. Para isso, a saúde mental da pessoa e também sua saúde física são importantes. “Essa é uma das habilidades que a escola vê como fundamental para ser trabalhada entre os estudantes”, explica Ana Lúcia.

Para tratar das nuances do mercado de trabalho, contaram com palestra online realizada pela pedagoga e mestre em educação, Rita Schane, mãe de um aluno do sétimo ano da Escola Atuação.  Rita tratou de questões geracionais e das facilidades que a geração atual tem com a tecnologia por serem 100% digitais. E ao fazer a pergunta inevitável: “o que você quer ser quando crescer?”, observou que os desejos dos estudantes mudam ao longo do tempo, conforme acessam novos conhecimentos e assumem novos referenciais.

“A ideia foi mostrar que essas diferenças são proporcionadas por inúmeras questões: culturais, sociais, econômicas”, destaca Rita. “O fato de estarmos em evolução constante faz com que o mercado de trabalho também mude. E se ele muda, também precisamos estar prontos para mudar”, complementa.

O trabalho será realizado em casa, seguindo a orientação necessária de isolamento e o contato com os professores ao longo do projeto será online. A entrega dos trabalhos acontecerá no dia 9 de dezembro e a apresentação final, em que cada estudante apresentará a sua própria revista, está marcada para o dia 12 de dezembro.