6 dicas de como escrever um bom artigo científico

Um bom artigo é aquele que chama a atenção de cientistas em seu próprio campo, enquanto atrai cientistas em outros.

Quando você consegue escrever um, seu impacto se torna evidente à medida que você observa o rápido acúmulo de citações.

No entanto, não importa o quão sólida seja sua pesquisa ou quantas noites sem dormir você passou escrevendo – se seu artigo for difícil de ler, as pessoas não o lerão.

Assim como fazer uma boa justificativa para um tcc é importante, um artigo científico bem estruturado se destaca entre os demais.

Então, da próxima vez que você estiver trabalhando em um artigo, certifique-se de se perguntar o seguinte.

 1. Muitos artigos deixam de ter qualquer impacto – o seu terá?

Metade de todos os artigos científicos nunca são citados. Alguns deles provavelmente nunca são lidos. Você quer evitar que seu seja um desses?

Você pode pensar que todos os cientistas rapidamente apreciam os méritos de todos os artigos em seu campo, entretanto, não é assim.

Aprender como comunicar seus resultados é crucial para o sucesso. Busque ler TCCs e as Monografias de 2020 para observar o que está sendo feito e se inspirar.

2. Você contou uma história?

Você deseja manter a atenção dos leitores, para que eles não desistam de seu artigo antes de chegar ao fim.

A melhor maneira de manter a atenção dos seus leitores é escrever seu artigo como uma história.

Explique por que o tópico é importante e como a ausência de conhecimento está inibindo o progresso, isso vai gerar curiosidade.

3. O seu artigo tem uma estrutura?

Alguns dos melhores cientistas levam um tempo surpreendentemente curto para escrever um bom artigo.

Por que, então, você luta por meses, até anos, para concluir? A chave do sucesso é que um bom cientista pensa muito cuidadosamente sobre a estrutura de seu artigo antes de começar a escrever.

Portanto, pense com cuidado sobre o que deve entrar e o que deve ser descartado, a fim de contar sua história.

4. Você tornou as coisas muito complicadas?

É um equívoco comum pensar que um cientista inteligente é alguém que usa uma linguagem científica altamente complexa em seus artigos.

O resultado real é que os cientistas menores precisam reler aquelas frases e parágrafos várias vezes antes de entendê-los.

A verdade é que bons cientistas escrevem em linguagem simples, clara e amplamente compreendida, porque desejam se comunicar com o maior público possível.

Lembre-se de que muitos dos leitores potenciais de seu artigo serão de outros países e não terão o inglês como primeira língua.

5. Você tem um bom resumo?

A próxima parte do seu artigo com maior probabilidade de ser lida é o resumo. Esse geralmente é o fator decisivo para alguém ler ou não o artigo inteiro.

Considere o resumo como sua vitrine. O resumo deve ser uma breve descrição de qual era o problema, o que foi feito e o que foi encontrado como resultado.

5. Você fez revisões críticas para melhorar seu artigo?

Uma vez enviado, seu artigo provavelmente será revisado por 2 ou 3 revisores anônimos. Você pode receber alguns comentários críticos do editor.

Se o editor lhe der a oportunidade de reenviar seu artigo depois de responder aos comentários dos revisores, aceite-o.

Mas seja positivo e construtivo ao responder a quaisquer comentários críticos, não rejeite comentários críticos.

Use esses comentários para melhorar o seu artigo. 

m.p.a.