Plataforma Tindin facilita aprendizado à distância com eficiência e qualidade

Ensino híbrido é a grande aposta para a volta às aulas em 2021.

Plataforma Tindin facilita aprendizado à distância com eficiência e qualidade
A Tindin se destaca por oferecer soluções educacionais em um Ambiente Virtual de Aprendizagem Gamificada (AVAg).

O ano de 2020 foi marcado por um cenário que exigiu de famílias, professores e escolas a reinvenção da maneira de ensinar. O ensino híbrido é real e já faz parte da rotina escolar e 2021 começa com a certeza de que a educação brasileira nunca mais será a mesma. Nesse sentido, a tecnologia é uma grande propulsora no processo de aprendizagem.

A Tindin se destaca por oferecer soluções educacionais em um Ambiente Virtual de Aprendizagem Gamificada (AVAg) que visa desenvolver a proficiência financeira por meio de tarefas e missões recompensadoras. Foi reconhecida como uma das 100 melhores fintechs do Brasil, segundo a revista britânica Daily Finance e, desde 2018, leva educação financeira de forma lúdica e prática para crianças de todo o país.

Em um momento de adaptação das escolas, professores, pais e alunos, o avanço tecnológico tem papel fundamental e decisivo na disseminação do ensino híbrido. Antes do isolamento social a internet já era parte fundamental no processo ensino. A pesquisa TIC Domicílios de 2019, por exemplo, mostra que dos 134 milhões de brasileiros com acesso à internet, 41% utilizou meios digitais para realizar pesquisas ou atividades escolares

Também conhecido por blended learning, um sistema de formação que mescla momentos de aprendizagem online e off-line, o ensino híbrido chegou para ficar. “Com a ajuda das mais modernas plataformas digitais que surgem a cada dia o aluno aprende, no seu tempo, com eficiência e qualidade. Mesmo à distância o aprendizado está acontecendo. O ensino híbrido está nos ajudando a oferecer a possibilidade de um futuro brilhante aos alunos. Juntos somos agentes e transformadores do mundo”, comemora Andressa Costa, CKO da Tindin Educação & Finanças.

É fato que a tecnologia tem proporcionado aprendizado a alunos de todo o país. E muitas das plataformas digitais ainda auxiliam os alunos a reduzir a defasagem de ensino neste momento em que não está sendo possível frequentar as salas de aula.

O ensino híbrido será uma importante ferramenta para alinhar a aprendizagem das novas gerações, nativas digitais, e a escola. Nesse cenário, soluções como a oferecida pela Tindin se destacam pela inovação, facilidade de aplicação e pela possibilidade de uso para diferentes disciplinas além da educação financeira.

“Entendemos o desafio que é engajar os estudantes em plataformas que não são pensadas para a educação à distância, nem para o público infanto-juvenil. Por isso, oferecemos uma solução completa direcionada para o ensino moderno, que une perfeitamente o melhor do presencial ao ensino a distância, transformando as aulas de professores de qualquer disciplina”, completa Andressa Costa.

“Já vivemos essa realidade há algum tempo na Tindin. Para resolver os problemas do engajamento no ensino infantil a distância e da transversalidade da educação financeira criamos metodologias e soluções educacionais revolucionárias: o aluno deixa de ser um mero “usuário” da plataforma educacional para se transformar em “cidadão” do próprio Ambiente Virtual de Aprendizagem Gamificada. Na plataforma ele pode consumir conteúdos de todas as disciplinas e participar de uma empolgante simulação financeira multiplayer”, explica Eduardo Schroeder, CEO da Tindin.

Últimas notícias