Dia Mundial da Saúde (07/04): prevenção pode evitar o desenvolvimento de doenças

Manter hábitos de vida mais saudável contribui para a prevenção e diagnóstico precoce de doenças. Saiba mais como se prevenir de doenças renais.

Dia Mundial da Saúde (07/04): prevenção pode evitar o desenvolvimento de doençasO Dia Mundial da Saúde (07/04) nos alerta sobre a prevenção das principais doenças que atingem a população e enfatiza a importância de adotar um estilo de vida mais saudável. Doenças como a obesidade, pressão alta, diabetes e problemas cardíacos poderiam ser diagnosticados mais precocemente ou até evitados se a prevenção fosse prioridade em nossas vidas.

Infelizmente, a atenção para nossa saúde é muitas vezes deixada de lado na correria do dia a dia, na falta de tempo ou disposição, e só lembramos quando uma surge uma doença. Por falar nisso, como anda sua saúde? Você tem escolhido hábitos mais benéficos, praticado atividade física e feito o seu check up no último ano?

O que é a prevenção?

A prevenção é um ramo da medicina que tem como objetivo evitar o desenvolvimento ou o contágio de doenças, tanto no individual quanto no coletivo. “Não se trata apenas de prevenir doenças, mas de educar a sociedade sobre as mudanças de hábitos. Isso pode incluir programas de exercícios físicos, estímulo para uma alimentação mais saudável, acompanhamento médico e exames periódicos”, explica o médico nefrologista e presidente da Pró-Rim, Dr. Marcos Alexandre Vieira.

Identificar os fatores de risco para o surgimento de doenças, como genéticos e ambientais, são uma arma forte na prevenção. “Quando temos a informação sobre o histórico familiar de doenças, ou até mesmo, o ambiente onde o indivíduo vive, fica mais fácil de avaliarmos as possibilidades, tratar precocemente ou evitar o surgimento das doenças”, analisa Dr. Marcos.

Mas, impedir a disseminação das doenças vai muito além de programas de educação e prevenção, está na existência e eficácia do tratamento de esgoto, na oferta de água potável para as comunidades carentes, na infraestrutura do sistema de saúde oferecido pelo País.

Como se prevenir de doenças?

A prevenção sempre foi um bom remédio. Quanto mais cedo iniciamos a prevenção, como adotar um estilo de vida saudável, teremos mais saúde nos próximos anos e chances de prevenir e tratar doenças em estágio inicial.

Para prevenir doenças, você pode adotar alguns hábitos e atitudes:

– Alimentação saudável: desembale mais, evite alimentos industrializados e ultraprocessados, opte por produtos in natura;

– Mexa-se: com a prática de atividade física você reduz a pressão arterial, fortalece os músculos, melhora a circulação sanguínea, evita dores lombares, entre muitos outros benefícios;

– Mantenha-se hidratado: consuma o mínimo de água por dia conforme o seu peso;

– Higienize suas mãos: tenha esse hábito, principalmente antes das refeições e após ir ao banheiro. A higienização das mãos evita o contágio de doenças e de vírus;

– Evite contato ou aglomeração com pessoas doentes;

– Cuide da sua saúde: faça os exames periódicos, procure um especialista em caso de sintomas, verifique sua pressão arterial, conheça as doenças existentes na sua família, mantenha em dia sua vacinação;

– Evite cigarro e álcool: ainda mais essa combinação que é um estrago para sua saúde;

– Não se medique: o uso de medicamentos sem prescrição médica pode resultar em intoxicação.

Prevenindo as doenças renais

As causas e as conseqüências da doença renal ainda são desconhecidas pela maioria da população. Considerada uma “epidemia silenciosa”, a doença renal crônica na maioria das vezes, chega de forma lenta, progressiva e quase sem sintomas. Se você tem diabetes, hipertensão arterial, obesidade ou caso de doença renal na família, fique atento aos mínimos sintomas, como inchaço, náuseas, fadiga, falta de apetite e alterações na urina.

Para que o diagnóstico seja feito o mais cedo possível, é muito importante a realização do exame de creatinina, feito pelo exame de sangue. “Quando for fazer os exames de rotina, peça ao seu médico para incluir o exame de sangue para checar as dosagens de creatinina e ureia no sangue. É um exame simples e acessível para a população”, acrescenta Dr. Marcos.

Infelizmente, o exame não está incluso no hemograma completo, usado para o diagnóstico e controle de várias doenças. A orientação é que o paciente solicite ao seu médico a inclusão do exame de creatinina no check up de rotina. O diagnóstico de doença renal de forma precoce auxilia no tratamento e evita que as pessoas necessitem do transplante ou da diálise.

jenifer.santos@prorim.org.br

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Assine a nossa newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui