Arauco começa nova parceria com a Valmet para se tornar primeira fábrica autônoma de celulose

A Valmet e a Arauco assinaram um acordo para desenvolver a nova linha 3 da fábrica de celulose da Arauco no Chile, que a tornará a planta mais autônoma do mundo. A Valmet fornecerá soluções de Internet Industrial, compostas de aplicações para otimização da fábrica, controladores avançados de performance e e monitoramento, bem como serviços especializados.

O objetivo é melhorar a eficiência geral e a lucratividade de todo o complexo, ao coordenar e otimizar a cadeia produtiva. O suporte especializado será fornecido diretamente no local, e remotamente por meio dos Valmet Performance Centers, localizados na América do Sul e nos países nórdicos.

A Linha 3 da planta da Arauco, localizada na região de BíoBío, está sendo construída a partir do projeto MAPA, um grande investimento para expandir a capacidade atual de produção de celulose da companhia chilena. Conforme anunciado em 2018, a Valmet fornecerá secagem e enfardamento de celulose, caldeira de recuperação e caldeira de biomassa para a iniciativa.

“Desde que iniciamos o projeto MAPA, em 2011, queríamos que ele representasse uma contribuição real para a região e também estivesse de acordo com os padrões ambientais exigidos atualmente. Desde o início, este projeto contemplou um amplo programa de investimentos em tecnologia, eficiência energética e big data, que tornarão os processos muito mais eficientes. Nossa parceria com a Valmet representa mais um passo no desenvolvimento sustentável do projeto e acreditamos que é fundamental ter um aliado de alto nível que garanta os padrões e as melhores tecnologias disponíveis no mercado”, afirma o vice-presidente sênior de Pessoas e Sustentabilidade da Arauco, Charles Kimber.

“Esta é uma verdadeira parceria, em que criamos em conjunto a solução para melhor atender às necessidades da Arauco. Com esta colaboração, será possível maximizar a produção da fábrica e caminhar para uma planta autônoma. Neste projeto, utilizamos nosso sólido know-how de processos e automação, e combinamos nossa forte presença local na América do Sul com todos os nossos recursos globais. O objetivo comum, nesta primeira fase, é garantir o sucesso do comissionamento do projeto MAPA, com rápido start-up, curva de ramp-up e melhora na eficiência geral e da lucratividade da fábrica nos próximos anos”, diz o gerente geral da Valmet na região dos Andes, Félix Hernaiz.

Informações técnicas

O contrato inclui várias aplicações de otimização de fábricas da Valmet, que propiciam uma maneira completamente nova de melhorar a lucratividade. As aplicações de Mill Wide Optimization usam a melhora do fluxograma de processo para automatizar as decisões e coordenar as ações da área de processo, gerando planos de produção e qualidade para cada área da planta, com o intuito de aumentar a produção e reduzir custos.

Além disso, a Valmet fornecerá aplicações de otimização, monitoramento avançado e predição para as áreas de processo selecionadas, com foco no secador de celulose e caldeiras de energia e recuperação. As otimizações são baseadas nas medições do analisador de kappa, brilho e álcali.

Um especialista da Valmet estará diariamente na fábrica e os especialistas visitarão o complexo regularmente para avaliar seu desempenho. Um serviço abrangente de Data Discovery também será implementado durante o período de cinco anos de contrato.

“Este agreement combina Mill Wide Optimization, controles avançados de processo (APC), aplicações de analítica e serviços remotos do Valmet Performance Center. Estamos usando o Valmet Customer Portal como nosso espaço de colaboração digital para fornecer acesso fácil às aplicações avançadas e à equipe de especialistas da Valmet ”, explica o vice-presidente de Internet Industrial da multinacional finlandesa, Jari Almi.

Valmet Industrial Internet

No início de 2020, a companhia lançou uma gama completa de novas soluções de Internet Industrial orientadas por dados para produtores de celulose, papelão, papel, tissue e energia. Esses dispositivos do Valmet Industrial Internet (VII) combinam aplicações avançadas de monitoramento e predição, Controladores Avançados de Processo (APC), simuladores de processos dinâmicos e serviços remotos dos Valmet Performance Centers em soluções abrangentes, que fornecem benefícios tangíveis aos clientes.

O objetivo é utilizar de forma eficiente os dados e a experiência da Valmet para reduzir o consumo de energia, melhorar a eficiência química e ambiental, otimizar a qualidade da celulose e do papel, aumentar a confiabilidade do processo, maximizar a produção e permitir o gerenciamento eficiente dos equipamentos do cliente.

Sobre a Valmet

A Valmet é líder global no fornecimento e desenvolvimento de processos tecnológicos, automação e serviços para os segmentos de celulose, papel e energia. A visão da Valmet é se tornar líder global no atendimento aos clientes. O escopo completo de fornecimento inclui fábricas de celulose, linhas de fabricação de papel, cartão e tissue, além de plantas para geração de bioenergia. Os serviços abrangem desde manutenção e peças de reposição até melhorias nas fábricas. Já as avançadas soluções em automação da Valmet englobam desde simples medições até projetos de automação completos em toda a planta fabril, otimizando o uso de matérias-primas e energia. A Valmet possui mais de 14 mil colaboradores em todo o mundo e, na América do Sul, opera com unidades em Araucária (PR), Sorocaba (SP), Belo Horizonte (MG), Imperatriz (MA) e Concepción, no Chile. Mais informações: www.valmet.com.br

Sobre a Arauco

A Arauco é uma empresa global de produtos florestais, que atua nos negócios florestal, celulose, madeira serrada, compensado, painéis compostos, marcenaria e energia renovável. A companhia fatura cerca de US $5 bilhões e opera com um total de 42 serrarias, fábricas de painéis e fábricas de celulose na América do Norte, América do Sul, Europa e África do Sul.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NEWSLETTER


spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui