Eventos marcam o Dia Internacional do Refugiado em Curitiba

Eventos marcam o Dia Internacional do Refugiado em Curitiba
Curso sobre direito migratório, campanha do agasalho para imigrantes e lançamento de cartilha bilíngue estão entre as ações realizadas pelo UniCuritiba

O Dia Internacional do Refugiado não vai passar em branco em Curitiba. Para marcar a data (20 de junho), o curso de Relações Internacionais do UniCuritiba – instituição do Ecossistema Ânima, uma das principais organizações de ensino superior do país – preparou uma série de ações e eventos.

Nesta sexta-feira, dia 18/06, às 10h30, ocorre o lançamento oficial da Cátedra Sérgio Vieira de Mello. O evento que formaliza a parceria do curso de Relações Internacionais com a Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) terá transmissão pela internet. Para acompanhar, basta fazer a inscrição em https://www.sympla.com.br/lancamento-da-catedra-sergio-vieira-de-mello__1237041.

Ao integrar a Cátedra, o UniCuritiba tem como objetivo oficial difundir o Direito Internacional dos Refugiados, estimular a formação acadêmica e a capacitação de professores, além de prestar serviços comunitários aos refugiados e oferecer acesso deste público ao meio universitário. A Cátedra, como o nome indica, é uma homenagem ao brasileiro Sérgio Vieira de Mello, morto no Iraque em 2003 depois de dedicar grande parte de sua carreira como funcionário da ACNUR ao trabalho com refugiados.

No sábado, dia 19/06, das 9h às 11h, a professora de Direito Internacional Público e Privado do UniCuritiba e coordenadora da Cátedra Sérgio Vieira de Mello, Michele Hastreiter, ministra o curso Direito Migratório e dos Refugiados. O evento é gratuito, online e aberto à comunidade. As inscrições podem ser feitas em https://www.sympla.com.br/direito-migratorio-e-dos-refugiados__1236822.

O curso vai abordar os principais instrumentos normativos nacionais e internacionais, com ênfase nos direitos dos imigrantes no Brasil e as possibilidades de inserção no mercado de trabalho. “Vamos levar os participantes a uma reflexão sobre as complexas questões humanitárias envolvendo os fluxos migratórios e capacitar os estudantes para a questão prática da assistência jurídica de imigrantes e refugiados, com foco na regularização documental”, diz.

Cartilha bilíngue
Para orientar os venezuelanos sobre seus direitos no Brasil, o Núcleo de Migrações do Laboratório de Relações Internacionais (Labri) lança no domingo, dia 20/06, uma cartilha bilíngue em português e espanhol. O documento estará disponível para download gratuito no site no UniCuritiba.

Os estudantes também já desenvolveram outros materiais com informações sobre serviços emergenciais, de ONGs e da Polícia Federal, abertura e fechamento de fronteiras, mecanismos de prevenção e enfrentamento à xenofobia e orientações para facilitar o dia a dia de imigrantes a diversos serviços no país. Um exemplo é a cartilha “Direitos dos Imigrantes e Refugiados em Tempos de Covid-19”, editada em seis idiomas (português, inglês, espanhol, francês, árabe e língua crioula haitiana) e liberada para consulta ou download grátis em
https://internacionalizese.blogspot.com/2020/12/acontece-no-unicuritiba-laboratorio-de.html

Para o próximo semestre, antecipa a professora Michele Hastreiter, o curso de Relações Internacionais vai oferecer um novo serviço de suporte jurídico e regularização documental para imigrantes e refugiados. “Estamos estruturando essa iniciativa e em breve divulgaremos todos os detalhes.”

Campanha do agasalho
Outra ação desenvolvida com o apoio do curso de Relações Internacionais do UniCuritiba é a Campanha do Agasalho para Imigrantes e Refugiados. Toda a comunidade pode participar com doações de roupas e cobertores até o dia 15/07. Há pontos de coleta nos campi Milton Vianna e Pinheirinho.

A coordenadora da Cátedra, Michele Hastreiter, diz que muitas famílias estão precisando de apoio para enfrentar o inverno e toda ajuda será bem-vinda. “Estamos unindo esforços para garantir os direitos e a dignidade de imigrantes e refugiados que vivem na cidade e contamos com a colaboração de todos.”

Sobre a Ânima Educação
Com o propósito de ‘Transformar o Brasil pela Educação’, a Ânima Educação é a 4ª maior organização educacional privada do País em número de estudantes e a 3ª em receita líquida, com um portfólio de marcas valiosas e um dos principais players de educação continuada na área médica. A companhia é formada por uma comunidade de aprendizagem com cerca de 350 mil pessoas, composta por mais de 330 mil estudantes e 18 mil educadores, distribuídos em 16 instituições de ensino superior.

Está presente em 12 estados, nas regiões Sudeste, Sul, Nordeste e Centro-Oeste, e em quase 550 polos de ensino digital por todo o Brasil. Integradas também ao Ecossistema Ânima estão oito marcas especialistas em suas áreas de atuação, como HSM, HSM University, EBRADI (Escola Brasileira de Direito), Le Cordon Bleu (SP), SingularityU Brazil, Inspirali e Learning Village, primeiro hub de inovação e educação da América Latina, além do Instituto Ânima.

Em 2021, a Ânima foi destaque no Guia ESG da revista Exame como uma das vencedoras na categoria Educação. Em 2020, foi reconhecida como uma das cinco empresas mais Inovadoras do País, na categoria Serviço, de acordo com o Anuário de Inovação do Valor Econômico; e conquistou, em 2019, o prêmio Mulheres na Liderança, na categoria Educação, iniciativa da ONG Women in Leadership in Latin America (WILL). Desde 2013, a companhia está na Bolsa de Valores, no segmento de Novo Mercado, considerado o de mais elevado grau de governança corporativa.

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui