Grupo Boticário é a melhor empresa para trabalhar pelo ranking GPTW étnico-racial 2021

Empresa é a primeira colocada no ranking étnico-racial da GPTW no Brasil; resultado é reflexo de iniciativas e compromissos pela diversidade e inclusão

Grupo Boticário é a melhor empresa para trabalhar pelo ranking GPTW étnico-racial 2021O Grupo Boticário é a melhor empresa do Brasil para pessoas negras trabalharem segundo a avaliação da Great Place To Work (GPTW), consultoria global de gestão de pessoas. O resultado é reflexo da ampliação de práticas de inclusão, desenvolvimento e reconhecimento profissional dos nossos talentos negros. Neste ano, a GPTW estabeleceu um ranking étnico-racial para apontar as empresas brasileiras que são referência em equidade racial e na criação de oportunidades para pessoas negras.

“Tratamos a equidade racial com todo o cuidado e respeito, assim como fazemos com as demais dimensões de diversidade que atuamos, considerando a interseccionalidade. Sabemos que estamos em uma jornada e, por isso, o GB tem compromissos para alavancar a diversidade e representatividade no nosso time, em nossas comunicações e no desenvolvimento de um portfólio de produtos cada vez mais inclusivos. O reconhecimento no ranking étnico-racial do GPTW mostra que estamos no caminho certo”, disse Renato Amendola, Gerente de Diversidade e Inclusão do Grupo Boticário.

Desde 2019, o Grupo Boticário possui uma equipe integralmente dedicada à implementação de estratégias de projetos de diversidade, inclusão e equidade. A dimensão racial é uma das dimensões de diversidade prioritárias do negócio, com atuação em diferentes pilares, como pessoas, produtos, comunicação e impacto social. Veja o ranking geral GPTW étnico-racial aqui.

Em 2021, Grupo Boticário assumiu compromissos corporativos para aumentar a representatividade de pessoas negras no Grupo Boticário. Até 2023, a meta é chegar em 50% de cobertura de colaboradores negros ou pardos (hoje esse número é de 42%). Outra meta no mesmo prazo é atingir ao menos 25% de lideranças corporativas negras (hoje são 10%).

O ano de 2021 é o Ano Pela Equidade Racial no Grupo Boticário, um movimento para reforçar estratégias focadas em inclusão e equidade racial, com foco na população negra (parda e preta). Há mais de dois anos, o Grupo Boticário possui grupos de afinidade que atuam em diferentes dimensões da diversidade (equidade racial, LGBTI+, pessoas com deficiência, equidade de gênero e gerações). O “Além da Pele”, grupo responsável por ações de promoção à equidade racial, realiza regularmente encontros com objetivo de acelerar a carreira de profissionais negros, além de desenvolver projetos para avanço da pauta na empresa.

Outras iniciativas pela equidade racial

Em 2020, a empresa aboliu os termos Black Friday e Black Week das tradicionais ações promocionais de novembro. Em um grande movimento com todas as suas marcas, liderado por Artur Grynbaum, vice-presidente do Conselho do Grupo Boticário, foi criado o termo #BeautyWeek, com o objetivo de conscientizar e chamar a sociedade à reflexão sobre o tema.

No último Geração B, programa de estágio e trainee, foi um processo seletivo com foco em diversidade desde as primeiras etapas de seleção. Depois de eliminar a obrigatoriedade da língua inglesa, realizar encontros com jovens potenciais e estabelecer metas de diversidade, o programa atingiu a marca de 43% de pessoas negras, e 51% de mulheres contratados em 2020.

bruno.winckler@inpresspni.com.br

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui