Cooperativa Escolar é fundada em Carambeí

Iniciativa inova ao incluir estudantes na participação direta das decisões para a prática da cooperação e empreendedorismo na comunidade escolar

Cooperativa Escolar é fundada em CarambeíSe fosse para resumir em uma palavra a fundação da escola cooperativista seria “emoção”. A Cooperativa Escolar da Escola Evangélica de Carambeí (EECOOPER) integra o ensino regular aos princípios cooperativistas, valores bíblicos e empreendedorismo para alunos do 5º ao 9º Ano, associados ao novo movimento. A fundação da EECOOPER aconteceu no auditório da escola, onde foi realizada a primeira Assembleia Geral Extraordinária (AGE) para as aprovações do estatuto social e da diretoria.

“É um dia especial para Carambeí ter a primeira cooperativa escolar da região. Há 96 anos esse mesmo momento aconteceu aqui, quando sete produtores resolveram trabalhar juntos e criar a primeira cooperativa de produção do Paraná”, afirmou o presidente da Frísia, Renato Greidanus, emocionado. A Frísia foi fundada em 1º de agosto de 1925 e é a mais antiga cooperativa de produção do Paraná e a segunda do Brasil.

A Frísia apresentou o projeto para a escola e a direção “abraçou” a mudança. Na cooperativa escolar serão realizadas também atividades sociais e conteúdos relacionados a empreendedorismo. Como toda a cooperativa, na escola também será realizada a Assembleia Geral, terá um Conselho de Administração e um Conselho Fiscal, que serão responsáveis pela fiscalização.

“Essa noite é histórica para a gente. Carambeí é conhecida como o berço do cooperativismo no Paraná, e hoje nasce um grandioso projeto no olhar e nas mãos de crianças. Parabéns a Escola Evangélica e a cooperativa Frísia por essa iniciativa tão importante”, afirma a prefeita de Carambeí, Elisangela Pedroso.

Cooperativismo de base

A inovação desse sistema educacional está na atuação dos associados. O Conselho de Administração deverá ser composto por, no mínimo, um aluno de cada ano escolar. “Para mim é uma honra ser a primeira presidente. Não tenho palavras para descrever a oportunidade que está sendo oferecida aos alunos, para estarmos participando de encontros dinâmicos para aprendermos mais o que é o cooperativismo e como podemos ser futuros estudantes diferenciados. Como presidente, pretendo conduzir a cooperativa da melhor forma possível”, destaca a estudante Fernanda Rodrigues Stadler.

Presente na fundação da cooperativa, o presidente do Sicredi Centro Serra (RS), Egídio Morsch, destacou estar “muito feliz” pela oportunidade de participar do evento. “Ao percorrer essa trajetória durante alguns anos, observamos que é um passo muito importante o envolvimento desses jovens na cooperativa escolar, dentro do processo de aprendizagem, poder desenvolver habilidade e conhecimentos. Pelo cooperativismo, o estudante se desenvolve pessoalmente e profissionalmente”.

Rejane Novelo, instrutora do Programa Cooperativa Escolar Frísia, explicou que houve liberdade de todos os envolvidos para a troca de ideias e a construção em conjunto do projeto, além da atuação da comunidade escolar e dos pais se engajarem nesse processo. “Vou parafrasear Ruben Alves: é a escola com que sempre sonhei sem imaginar que pudesse existir”.

“A palavra que define esse momento é orgulho. Orgulho desses grandes alunos que tomaram esse desafio. O convite de ter uma cooperativa escolar assusta porque sabemos o tamanho da responsabilidade, mas, ao mesmo tempo, engrandece por se propor ao objetivo da educação, que é transformar a vida”, afirma Francine Guilherme de Souza, diretora da Escola Evangélica de Carambeí.

“Ano que vem teremos mais associados do que hoje e espero que a escola cresça cada vez mais e que a gente consiga fazer isso em conjunto, com todos os alunos e não apenas uma pessoa. Essa é a essência do cooperativismo”, conclui Fernanda Stadler, presidente da EECOOPER.

Sobre a Frísia Cooperativa Agroindustrial

Em 2025, a Frísia completa um século de história. A cooperativa é a mais antiga do Paraná e segunda do Brasil, e tem como valores Fidelidade, Responsabilidade, Intercooperação, Sustentabilidade, Integridade e Atitude (FRISIA). Com unidades no Paraná e Tocantins, em 2020 produziu 283 milhões de litros de leite, 832.765 toneladas de grãos e 28.063 toneladas de suínos, resultado do trabalho de 895 cooperados e 1.119 colaboradores. Para promover o crescimento nos próximos cinco anos, a Frísia desenvolveu o planejamento estratégico “Rumo aos 100 Anos”, um conjunto de propostas que visa aumentar a produção agropecuária e os investimentos com outras cooperativas e em unidades próprias. O planejamento da Frísia foi desenhado sob seis perspectivas principais: Sustentabilidade, Gestão, Mercado, Pessoas, Financeiro e Cooperados. Assim, seguirá a missão da cooperativa, que é disponibilizar produtos e serviços para gerar resultado sustentável a cooperados, colaboradores e parceiros. Saiba mais em frisia.coop.br.

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui