Novo projeto de Ligia Ferreira e Flávio Araújo promove apresentações e oficinas gratuitas

Novo projeto de Ligia Ferreira e Flávio Araújo promove apresentações e oficinas gratuitasO projeto “Brincar, Brincar, Brincar no CCCIC” chega à Regional da Cidade Industrial de Curitiba (CIC) através de cinco transmissões on-line. Será realizada 1 sessão aberta ao público em geral, além de 4 sessões para escolas municipais e oficinas gratuitas (veja no serviço abaixo).

Após passar por 36 municípios de 4 estados e ser visto por cerca de 20 mil pessoas desde 2016, o espetáculo de teatro infantil “Brincar, Brincar, Brincar” chega às alunas e alunos das escolas Albert Schweitzer, Joaquim Távora e Maria do Carmo Martins, situadas na Regional CIC.

Com relevante trajetória, “Brincar Brincar Brincar” já integrou a programação de festivais, mostras e foi contemplado em diversos editais, tendo sido apresentado mais de 70 vezes.

Um grande diferencial do trabalho é trazer texto e canções autorais – algo nem sempre encontrado em produções culturais destinadas à infância. O texto, de autoria de Ligia, se passa numa vizinhança muito tranquila, baseada em sua rua de infância, com personagens inspirados na vida dos dois artistas. Ao longo da peça, a dupla ainda executa músicas compostas por Flávio, que enriquecem a narrativa.

 “O espetáculo traz para a cena um tema extremamente atual e próximo à realidade das crianças e das famílias. No enredo da peça, a brincadeira passa a ser substituída na vida dos personagens Guiga, Luna e Nano pelos elementos t-ble-ta, g-ppin-sho e são-vi-le-te, que representam alguns aspectos do mundo contemporâneo, como o uso excessivo das tecnologias, o consumismo desenfreado e a influência da mídia e da publicidade na vida das pessoas. “O trabalho propõe a reflexão sobre esses temas, cada vez mais urgentes em nossa sociedade”, explica a atriz Ligia Ferreira.

Como criar e musicar um texto?

Além de poder assistir gratuitamente ao espetáculo, o público é convidado a participar de oficinas online de criação baseadas na experiência do projeto Brincar. Destinadas a maiores de 18 anos, educadores e moradores da CIC, as oficinas “Qual o som da história?” e “Criação e Narração de Histórias” ocorrem nos dias 19 e 24 de novembro.

Em “Qual o som da história?”, Flávio Araújo propõe a utilização de sons para textos de Ligia Ferreira. “O ponto de partida é a reflexão sobre o som e sua contribuição para a narração de histórias. Os participantes serão apresentados aos textos e estimulados a criar intervenções sonoras”, explica o músico.

Já em “Criação e Narração de Histórias”, Ligia Ferreira propõe um processo criativo autoral para os participantes, por meio da escrita e da narração de histórias. “Eu convido cada integrante a desenvolver sua oralidade, a expressão corporal, iniciativa, criatividade, imaginação e o espírito lúdico. Por meio da combinação entre gesto, voz e textos autorais, iremos elaborar narrativas cênicas inéditas”, explica a atriz e diretora.

O projeto é realizado com recursos do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura – Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba.

SERVIÇO

“Brincar Brincar Brincar”

Dia 25 de novembro, das 10h30 às 11h15.

Transmissão on-line gratuita do espetáculo. https://www.youtube.com/c/ViraVoltaCultural

Oficinas:

“Qual o som da história?”. Oficina on-line com Flávio Araújo. Dias 19 e 24 de novembro, das 10h às 11h30. 20 vagas.

“Criação e Narração de histórias”. Oficina on-line com Ligia Ferreira. Dias 19 e 24 de novembro, das 15h às 16h30. 20 vagas.

Inscrições até 17/11 pelo e-mail viravolta.cultural@gmail.com contendo as seguintes informações: nome completo / e-mail / telefone / qual oficina pretende seguir (é possível participar das duas).

Ficha Técnica:

Flávio Araújo: Coordenador geral, músico, oficineiro, técnico de som e transmissão.

Ligia Ferreira: Produtora, atriz e oficineira.

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui