Sensível e lúdico, “Amor, uma fadinha muito especial”

Lançado pela Editora InVerso, livro inspirado na experiência da sua autora, Mami Seguchi mostra que não há barreiras para o desenvolvimento de crianças com Síndrome de Down

Síndrome de DownO acesso à educação é o elemento fundamental para o desenvolvimento  saudável de toda criança. Para crianças com síndrome de down, isso não é  diferente, basta sensibilidade e capacidade para compreender que o  desenvolvimento ocorre em formas e ritmos diferentes. 

E foi a partir da sua própria experiência enquanto mãe de uma criança com  T21, a condição genética para a Síndrome de Down, que a autora e  podcaster Mami Seguchi entendeu que uma condição não limita a  inteligência e criatividade.  

“Li em algum lugar que as crianças com T21 não conseguem fantasiar  brincadeiras e situações. Quando meu filho Henrique nasceu, não sabia  como seria a percepção dele. Logo provou ser capaz de brincar de faz de  conta e até aprendeu a mentir e dissimular”, conta Seguchi, responsável  pelo podcast “Mamitopia”, onde fala sobre relacionamento familiar,  maternidade e inclusão. 

Mãe de quatro filhos, Mami explica que foi observando as crianças  interagindo que ela percebeu que cada um aprendia em seu próprio ritmo,  mudando a sua forma de enxergar as implicações da Síndrome de Down.  Foram suas novas descobertas que inspiraram a criação do livro Amor,  uma fadinha especial, o primeiro volume de uma série sobre diversidade 

e inclusão.  

Apaixonada pelo mundo das fadas, a escritora encontrou na magia a forma  de criar e mostrar um personagem com as características marcantes como  as de seu filho. “Meu filho Henrique me surpreende a todo o momento e,  através das minhas experiências com ele, resolvi escrever livros sobre  personagens PCDs (Pessoas com Deficiência) e temas abordando as  diferenças e diversidade. Com o tempo nasceu a Fada Amor, em que pude  escrever de forma lúdica as minhas ideias e experiências, dando forma e  voz a um personagem com Síndrome de Down”, explica. 

E é com todo esse carinho e compreensão que levamos como lição o  entendimento que devemos aceitar as diferenças e compreender que todos  temos habilidades que podem ser desenvolvidas e trabalhadas. Basta ter  foco, paciência, persistência e determinação.

Sobre a autora: 

Mami Seguchi, nascida no Japão, na província de Oita, imigrou para o Brasil  em 1973 com 01 ano de idade, junto com seus pais e irmão. Formou-se em  Administração de Empresas. Casou-se e teve 04 filhos, um deles o Henrique  com T21 (Síndrome de Down) que a inspirou a escrever, principalmente  sobre temas de inclusão e PCD – Pessoas com Deficiência. Tem um Podcast  – Mamitopia, onde compartilha suas experiências com a T21 e promove um  encontro de mães, pais e famílias para falar de amor, compreensão,  vivências e desenvolvimento de seus filhos(as). 

Sobre a editora 

A InVerso atua desde 2004, com o objetivo de oferecer ao público  produções com qualidade gráfica e editorial dos mais diversos gêneros  literários. Está presente nas principais livrarias do Brasil e realiza  distribuição e divulgação na Europa, nos EUA e na América Latina. Com a  missão de oferecer aos leitores uma experiência literária por meio de várias  opções de títulos, a InVerso tem em sua essência, além da característica de  identificar e lançar novos autores no mercado literário, o relacionamento de  proximidade entre escritor, leitor e editora. 

Serviço:  

Obra: “Amor, uma fadinha muito especial”, de Mami Seguchi  ISBN: 978-65-89851-51-6  

R$ 48,00 (desconto de 15% para compras até o dia de lançamento) Lançamento on-line: dia 10/11, às 20h  

Plataformas: Facebook e YouTube da editora InVerso  

O livro poderá ser adquirido na loja virtual da editora:  www.editorainverso.com.br

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui