No último dia 2 de novembro, a radionovela Memórias de um Suicida passou a ser reexibida em três horários, nas emissoras que compõem a Super Rede Boa Vontade de Rádio, com sinal analógico e digital, por meio do streaming da emissora.  Sucesso de audição, essa produção radiofônica é uma iniciativa do jornalista, radialista e compositor José de Paiva Netto, que teve seus direitos autorais gentilmente cedidos pela Federação Espírita Brasileira (FEB).

Memórias de um Suicida se consolidou como uma lição de arrependimento e renovação ao mostrar, em 41 capítulos, quais são as consequências espirituais do suicídio, a partir do relato do Espírito Camilo Cândido Botelho (pseudônimo), que narra os horrores que acontecem com as vidas interrompidas antes do tempo.

Trata-se de um testemunho de quem descobriu, depois do suicídio, que a morte não acaba com a vida. Ao ficar cego, no fim do século 19, depois de sofrer vários conflitos conjugais e familiares e a decadência financeira, Camilo Cândido Botelho (pseudônimo) suicidou-se aos 65 anos de idade acreditando que a “morte seria o fim” de seu sofrimento.

Mas, como nos relatos bíblicos da visão Profética de Jesus, a morte não o aceitou e Camilo (Espírito), mais vivo do que antes, apesar do suicídio, viu seus dramas multiplicados dolorosamente por mais de 50 anos de padecimentos e remorsos jamais experimentados por ele na Terra.

Esta superprodução radiofônica, adaptada do livro de mesmo nome psicografado pela médium Yvonne do Amaral Pereira conta com a direção da consagrada atriz Arlete Montenegro e reúne os melhores atores e dubladores do Brasil.

Não perca essa oportunidade de acompanhar, diariamente, capítulos tão instrutivos sobre a vida após a morte. A radionovela vai ao ar pela Super Rede Boa Vontade de Rádio, de segunda a sexta-feira, às 16h, às 22h e às 2h. Para saber a relação das emissoras ou acompanhar o streaming digital, acesse: www.boavontade.com/radio. Na sequência, os capítulos ficarão disponíveis no aplicativo Boa Vontade Play.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui