Clientes de gestora de saúde recebem aparelho que realiza exames físicos à distância

 

Integração da healthtech Alice com o TytoCare é a primeira a acontecer no Brasil. Resultados registrados vão apoiar a coordenação do cuidado com o paciente

A healthtech Alice, primeira gestora de saúde do Brasil, fechou uma parceria com a Tuinda Care para oferecer aos membros o kit tecnológico portátil TytoCare, que permite a realização de exames físicos remotos em qualquer lugar. O aparelho exige apenas um sinal de internet para a realização de consulta virtual síncrona, onde o médico da Alice guia o membro nos exames e vê os resultados pelo próprio app da startup. Assim, o profissional de saúde consegue direcionar melhor a pessoa sem estar frente a frente com ela, seja realizando o diagnóstico e prescrevendo a receita digital do medicamento indicado ou então, nos casos de urgência, encaminhando para o pronto-socorro. Hoje, 15% das consultas da healthtech já são complementadas com esse tipo de suporte. A expectativa é que, com a nova integração, esse número cresça, dado o aumento da usabilidade.

A empresa é a primeira do país a integrar à sua plataforma o TytoCare. “Essa integração de dados possibilita o seguimento pela equipe responsável pelo membro e o cuidado a longo prazo, ao mesmo tempo em que fornece à pessoa precisão, rapidez e comodidade em seus diagnósticos de saúde”, explica o CEO da Alice, André Florence. A healthtech opera com um modelo inovador que combina tecnologia, coordenação de cuidado feita pelo Time de Saúde e saúde baseada em resultados.

“O TytoCare possui inteligência embarcada e captura fiel das imagens e sons. É possível avaliar as estruturas do ouvido; infecção da garganta, por meio de um depressor de língua; auscultar pulmão, coração e abdômen; fazer imagens de lesões na pele; medir frequência cardíaca e a temperatura”, explica a diretora da Tuinda Care, Ana Carolina Lucchese.

O kit tecnológico pode ser utilizado no atendimento de crianças e adultos e funciona também para pacientes com doenças mais complexas, que necessitam de acompanhamento frequente – como pessoas com condições crônicas que poderão receber o aparelho para realizar monitoramento frequente. “Pacientes considerados de alta complexidade utilizam os serviços de saúde com mais frequência e o controle rotineiro das condições clínicas com TytoCare, além de ser realizado sem sair de casa, permite o diagnóstico precoce de possíveis complicações da doença ou tratamento, evitando muitas vezes o agravamento do quadro. Isso representa um serviço de mais qualidade para o paciente, podendo resultar em um desfecho clínico melhor, ao mesmo tempo em que gera economia. É uma relação em que todos ganham”, afirma Ana Carolina.

A Alice está na vanguarda da experiência de atendimentos digitais cada vez mais parecidos com os presenciais. Um exemplo disso é o Alice Agora, plataforma de atendimento digital imediato, 24 horas por dia, onde a primeira resposta ocorre em até 35 segundos. Por meio dela, os membros da startup podem ser avaliados e ter direcionamentos de saúde iniciais sem sair de casa, indo para um pronto-socorro apenas quando realmente necessário. “Na Alice, nosso foco é cuidar, seja no presencial ou no digital. É por isso que buscamos cada vez mais integrar os cuidados para fornecer a melhor experiência possível para os nossos membros. A parceria com a TytoCare é mais um passo para termos mais agilidade e assertividade nos atendimentos”, afirma Florence. Hoje, 88% das queixas de saúde dos membros são resolvidas por meio desse canal, sem que precisem sair de casa.

SOBRE TUINDA CARE

A Tuinda Care é uma startup que tem o objetivo de expandir o acesso a cuidados em saúde de qualidade no Brasil por meio da telemedicina. É distribuidora exclusiva da tecnologia TytoCare no território nacional, com o propósito de conectar o médico ao seu paciente, sem limite de distância, garantindo excelência médica a cada atendimento. Conta com o apoio dos hospitais Pequeno Príncipe (PR) e Sabará (SP) como aceleradores.

SOBRE ALICE

Primeira gestora de saúde do Brasil, a Alice tem por missão tornar o mundo mais saudável. Em fevereiro de 2021, a startup realizou a maior captação em Series B para uma healthtech no país no valor de 33,3 milhões de dólares.

Lançada em 2020 por André Florence, Guilherme Azevedo e Matheus Moraes, a healthtech já recebeu 47,8 milhões de dólares de investimento desde a sua fundação dos fundos ThornTree Capital Partners, Kaszek Ventures, Canary, Maya Capital e Endeavor Catalyst.

Os membros da Alice são acompanhados por um Time de Saúde – formado por médicos, enfermeiros, nutricionistas e preparadores físicos – que tem o papel de apoiá-los ao longo da vida, definindo um plano de ação mirando decisões mais saudáveis e os ajudando a navegar pela Comunidade de Saúde da healthtech (especialistas, hospitais e laboratórios).

Atualmente, essa comunidade possui nove hospitais, mais de 200 unidades de centros de diagnóstico e médicos especialistas de excelência. A Alice oferece 30 opções de planos modulares, todos registrados na ANS, e que podem ser definidos conforme a preferência de cada membro.

Os membros contam ainda com a Casa Alice, clínica proprietária da empresa desenhada para ser um espaço acolhedor, que não se parece em nada com uma tradicional.

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui