História de empresário das fossas curitibanas inspira espetáculo no Festival de Teatro de Curitiba de 2022

O Barão da Bosta de Curitiba é apresentado pela Comparsaria Cênica com a história de Francisco Castellano contada em formato de circo-teatro

A história de um empresário curitibano do início do século XX, que lucrou ao investir em uma máquina de limpar fossas na capital do Paraná, inspirou um espetáculo apresentado no Festival na Rua, dentro do Festival de Teatro de Curitiba de 2022. A peça “O Barão da Bosta de Curitiba”, da Comparsaria Cênica, que já teve sua estreia na mostra no último dia 2 de abril, terá nova apresentação neste sábado (9), às 15h, no Palco Sulamérica, que fica no Parque Barigui. A apresentação é gratuita.

A companhia de teatro se inspirou em uma história real de um empresário que enriqueceu ao limpar penicos e fossas de Curitiba quando as redes de água e esgoto da cidade ainda eram precárias e poucas pessoas tinham condições de pagar por esse serviço de limpeza. Francisco Castellano, que hoje dá nome a uma rua no bairro Uberaba, recolhia os dejetos das residências com uma carroça.

Seu trabalho foi tão necessário na época e seu crescimento como empresário expressivo que ficou popularmente conhecido, como forma de zombaria, como Barão da Bosta, Barão da Merda ou El Bostero.

Segundo o diretor da companhia, Helio de Aquino, a história sofreu adaptações para ser levada ao palco. “Em nossa peça, adaptamos a história para o século XIX. A fama de nobre subiu à cabeça do nosso protagonista, que insiste em fazer uma recepção a Dom Pedro II para que o imperador o nomeie Barão de Coritiba”, comenta. Contudo, seu empregado, o Palhaço Borracha, arranca risadas da plateia ao zombar da situação do patrão.

A peça ainda conta com a esposa do futuro Barão e futura Baronesa, a irreverente filha do casal e o sobrinho dos poderosos, que promete jogar um balde de água fria nos desejos do tio com uma revelação.

A ideia da companhia é levar a história com humor dentro da linguagem de circo-teatro, que arranca risadas da população brasileira há décadas, e faz parte do repertório da Comparsaria Cênica. “Queremos contar uma história bem curitibana de forma hilária nesse retorno do público e das companhias aos espaços cênicos. Além da diversão, é uma oportunidade para conhecer um pouco de uma história inusitada”, explica.

Serviço

O Barão da Bosta de Curitiba

Data: 9 de abril (sábado)

Horário: 15h

Local: Palco Sulamérica, no Parque Barigui

Espetáculo Gratuito

Realização: Comparsaria Cênica, Festival de Rua e Festival de Curitiba

Elenco: Helio de Aquino, Melaine Pilato, Felipe Baluta, Vitória Marafigo e Diogo Marcelo

Técnica de Som: Gidiane Ramos.

Fotografia e Assessoria de Imprensa: Rodrigo Batista

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui