Acidentes de trânsito estão entre as principais causas de fratura da coluna e lesão de medula em pacientes jovens, alerta especialista

Acidentes de trânsito estão entre as principais causas de fratura da coluna e lesão de medula em pacientes jovens, alerta especialistaO Brasil registrou mais de 878 mil acidentes envolvendo veículos no último ano. Foram cerca de 1,3 milhão de feridos e 20 mil mortes em todo o país, segundo o Registro Nacional de Acidentes e Estatísticas de Trânsito (Renaest), da Secretaria Nacional de Trânsito. Por trás dos números, estão as consequências. Acidentes de alta energia, como os que envolvem carros e motocicletas, são as principais causas responsáveis por fratura da coluna e lesão da medula em pacientes jovens.

Para o médico ortopedista especialista em cirurgia da coluna, Dr. Antônio Krieger, a imprudência ainda é a principal causa de acidentes de trânsito graves que podem levar a traumas graves na coluna vertebral.

“A principal causa de fratura da coluna e lesão na medula em pacientes jovens são traumas de alta energia, como os acidentes de carro e moto. Nesse maio amarelo, nós alertamos a necessidade da prevenção de acidentes automobilísticos que podem trazer consequências como a tetraplegia e paraplegia”, reforça o especialista.

De acordo com o levantamento, a maior parte dos envolvidos (69%) são homens, principalmente na faixa etária entre 18 e 44 anos. Mulheres representam apenas 23,4% das vítimas de acidentes de trânsito.

A omissão de dados disponíveis no Renaest não permite traçar um perfil detalhado das lesões causadas pelos acidentes. Quase 50% dos casos apresentam gravidade “desconhecida” ou “não informada”. Porém, foram registradas 67.122 vítimas com lesões graves em todo o país.

“A direção embriagada, distraída pelo uso de celular ou o excesso de velocidade são grandes vilões na causa desses acidentes. É preciso pedir conscientização dos seus familiares e pessoas à sua volta para evitar este tipo de tragédia”, diz Krieger.

Acidentes de trânsito estão entre as principais causas de fratura da coluna e lesão de medula em pacientes jovens, alerta especialista
Fonte: Registro Nacional de Acidentes e Estatísticas de Trânsito (Renaest)

Além de ser lei, é comprovado que o cinto de segurança impede que o motorista e passageiros sejam arremessados para fora do veículo, como o que aconteceu com o ex-BBB Rodrigo Mussi no início de abril, e pode evitar lesões graves.

“A gente observa em hospitais de reabilitação e centros especializados que pacientes que sofrem ejeção do carro, ficando expostos a traumatismo craniano, fraturas com lesões graves da medula e que podem ser prevenidas com o uso correto do cinto de segurança”, comenta Krieger.

Acidentes no Paraná – Foram registrados 78.313 acidentes no Estado do Paraná no último ano, um crescimento de 28,9% se comparado a 2020, com 165.557 pessoas envolvidas e 2.161 óbitos. Assim como na estatística nacional, a maior parte das vítimas de acidentes é composta por homens (44,1%).

Acidentes de trânsito estão entre as principais causas de fratura da coluna e lesão de medula em pacientes jovens, alerta especialista
Fonte: Registro Nacional de Acidentes e Estatísticas de Trânsito (Renaest)

Como lidar em caso de acidente – Segundo as Campanhas de Prevenção de Acidentes nas Estradas do Ministério da Saúde, mesmo que conscientes, as vítimas de acidentes de trânsito devem ser imobilizadas na posição em que estiverem até a chegada da equipe de socorro especializada. O movimento incorreto da vítima pode fazer com que fragmentos ósseos causem danos irreversíveis na medula.

Maio Amarelo — O Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para a redução dos acidentes de trânsito e que surgiu com uma só proposta: chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo.
Em parceria com órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada, a Campanha Mundial Maio Amarelo ocorre anualmente para promover atividades voltadas à conscientização, ao amplo debate das responsabilidades e à avaliação de riscos sobre o comportamento de cada cidadão dentro de seus deslocamentos diários no trânsito.

O Tema do Maio Amarelo 2022, baseado na Resolução 871/2021 do Contran, é “Juntos Salvamos Vidas”. Em maio de 2011 a ONU decretou a Década de Ação para a segurança no trânsito. O amarelo foi escolhido pois simboliza a atenção e também a sinalização de advertência no trânsito.

Últimas notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui