Bad Bebop mostra a força do cenário curitibano da música independente

Entrevista – Bad BeBop

A banda Bad Bebop, formada em Curitiba, está cheia de novidades neste ano. Lançamento físico em CD do álbum Starting Riots, mudança de formação e planos para shows. Além disto, o grupo é uma das atrações do Tenda Xperience, que acontece esta semana em Curitiba (26/06).

Atualmente o grupo conta com os membros fundadores Celso Costa (bateria) e Henrique Bertol (guitarra e vocal), além dos novos integrantes José Trindade nos vocais e Roger Larsen no baixo. O novo CD Starting Riots (pelo selo Lambrequim Cultural) trará as músicas lançadas anteriormente em formato digital, além de uma canção inédita, gravada já com a atual formação, chamada “Red Flag”.

Conversamos com o guitarrista Henrique Bertol sobre os planos da banda e também sobre este show especial. Mais detalhes do festival no serviço, no final da página.

Entrevista conduzida por Kenia Cordeiro

O último registro de vocês foi o álbum Starting Riots (2020), há planos para um próximo lançamento?

Henrique Bertol: Sim, em 2021 compusemos cinco músicas que chegaram a estar numa etapa bem avançada de pré-produção. A ideia original era lançar essas músicas como um EP entre 2021 e 2022. Com a mudança de formação da banda, resolvemos transformar o EP em um álbum completo, escrever mais umas cinco músicas e lançá-las, provavelmente, no primeiro semestre de 2023.

Quais são as maiores influências musicais da banda?

Bertol: Eu sinto que tem muitas peculiaridades e distinções no gosto pessoal de cada um que acabam somando no que é o som do Bad BeBop. Como base comum, posso garantir que todo mundo é fissurado em Black Sabbath.

A faixa de abertura do álbum Starting Riots, This Grace”, traz um trocadilho em português. Isso foi intencional? Podem nos contar mais sobre a letra dessa canção?

Bertol: Sim, o trocadilho é intencional. Essa letra é do Juliano Ribeiro, então acho que o melhor que eu posso fazer para explicar o significado é referenciar o que ele me disse sobre ela. A “This Grace” fala sobre a dualidade das pessoas, de acontecimentos na nossa vida, entre outras coisas. A ideia geral é que, muitas vezes, o que consideramos positivo em um momento pode se tornar algo negativo em outro e vice-versa. A brincadeira entre This Grace e Disgrace é justamente para representar essa dualidade, pois a gente não consegue ter certeza se estamos falando de algo positivo ou negativo. Além disso, ela acaba falando também sobre se enganar com as nossas próprias expectativas.

No próximo dia 26 vocês irão participar do festival Tenda Xperience, como estão os preparativos para esse show ?

Bertol: Os preparativos estão a todo vapor, estamos ensaiando o repertório e ajustando o nosso som para sermos a melhor versão possível de nós mesmos nesse dia 26. Compartilharemos o palco com duas grandes bandas da cidade – Corram Para as Colinas e Macumbazilla – além de ser a nossa estreia na casa que é considerada uma das maiores da América Latina voltada ao Rock. Será incrível.

Falando em Tenda, vocês já gravaram outros vídeos no Estúdio Tenda. Como vocês avaliam a importância desse estúdio para a cena local?

Bertol: O Studio Tenda é uma instituição do Rock brasileiro, eles fornecem uma plataforma de visibilidade para a cena de Rock autoral que não tem paralelo! É até difícil mensurar em palavras o que a Lyrian e o Mario fazem por todos nós, colocando toda semana uma banda nova no canal deles (que já passa de mais de 1 milhão de visualizações!) Por 10 anos quase ininterruptos.  As gravações são de um cuidado e qualidade irrepreensíveis, só de pensar na trabalheira e dedicação que isso envolve, todos nós temos que bater palmas de pé para eles. Qualquer cena musical para funcionar de verdade e ter impacto cultural tem que ser multifacetada e ter gente dedicada em diferentes áreas: tem os promoters, os jornalistas, os comunicadores, os músicos, os fãs, etc. Sinto que o Studio Tenda se colocou para ser o que o nome deles sugere, um palco, um abrigo para todos nós. É uma honra imensurável tocar nesse primeiro evento que comemora o aniversário de 10 anos do programa.

Atual formação do Bad Bebop – cheios de planos para 2022 (foto: Gustavo Nishida).

Quais são os próximos passos da banda?

Bertol: No momento, estamos em um processo de volta aos trilhos após estes anos de pandemia. Estamos ensaiando, marcando shows e compondo juntos. Além disso, fechamos para o “Starting Riots” sair em formato físico no Brasil, em um esquema de crowdfunding pelo selo Lambrequim Cultural. Estamos viabilizando o lançamento deste disco em outro país. A versão brasileira está fantástica, com um encarte lindo e bônus track. A campanha já está no ar e as cópias são limitadas, então garantam o seu neste link: benfeitoria.com/projeto/lambrequim3.

Conheça mais o Bad Bebop:
https://www.instagram.com/badbebopband
https://www.facebook.com/badbebopband
https://www.youtube.com/BadBeBopBand

TENDA XPERIENCE

Data:  26 de junho de 2022 (domingo)
Local: Tork’n Roll
Endereço: Av. Marechal Floriano Peixoto, 1695 – Rebouças
Horários: 17h (abertura da casa), 18h (shows)

Ingresso: R$ 20 (inteira) / R$ 10 (doando 1kg de alimento não perecível)
* Faça doação voluntária de agasalhos.
Vendahttps://www.torknroll.com.br/events/tenda-xperience

Conheça o Tenda:
Linktree: https://linktr.ee/studiotenda

Tenda Xperience acontece domingo (26) no Tork’n Roll.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui