Julho é o mês da 28ª Festa da Tainha da Ilha do Mel

O tradicional evento tem programação especial com cardápio típico, bandas, oficinas e competições entre os dias 1º e 31 de julho, em Nova Brasília

A Pesca da Tainha está em alta na Ilha do Mel. Por ser a época mais fria do ano, os peixes migram para águas mais quentes se aproximando da costa. Tradicional como a pesca, em paralelo ocorre a Festa da Tainha movimentando o litoral do Paraná. Em Nova Brasília ela acontece entre os dias 1º e 31 de julho, no trapiche, com a promoção e organização da Associação dos Nativos da Ilha do Mel (Animpo). Com entrada gratuita, a programação conta com um cardápio especial de pratos típicos, além de competições, stand-up comedy, oficinas e shows. Esta será a 28ª edição e terá um gostinho especial, este ano, uma vez que ela deixou de ocorrer em 2020 e 2021 devido à pandemia da Covid-19.

Um dos organizadores da festa, Felipe Andrews Gonçalves, explica que este é um evento realizado pela comunidade. “Inicia com os pescadores, que são moradores e fazem a pesca artesanalmente, no pé do Farol das Conchas. Nós compramos a pesca dos próprios pescadores da região e os moradores produzem, temperam e preparam a tainha para depois servir aos turistas durante a festividade, ou seja, todos que trabalham na festa são nativos da Ilha do Mel”, disse. Segundo ele, durante a pandemia, esse momento ficou reservado apenas aos moradores. “Agora será possível compartilhar novamente com os visitantes e será muito especial”, completou.

A expectativa é de que a Festa da Tainha, deste ano, receba um público aproximado de 40 mil pessoas durante todo o mês do evento. De acordo com o Andrews, essa movimentação é muito importante para a economia e turismo da região, visto que nesta época do ano o movimento normalmente diminui. “O objetivo do evento é justamente manter a cultura e a tradição da comunidade que é envolvida com a pesca e também estar fomentando mais o turismo na Ilha do Mel também durante o inverno, período que diminui a movimentação de visitantes por causa do frio”.

Os turistas que visitarem a Ilha do Mel durante o evento poderão conferir um cardápio especial com a tainha assada, em postas, tainha moda do pescador (como as famílias da Ilha costumam preparar a tainha), ova de tainha, porção de camarão, camarão sete barbas, camarão branco, entre outras porções. Além disso, uma programação especial promete animar os turistas e nativos com muita diversão.

Programação
Está na programação uma variedade de atividades ambientais, esportivas e culturais. Entre elas destaca-se o mutirão de limpeza das praias com o propósito de desenvolver a consciência ambiental para a preservação da Ilha do Mel. As atividades esportivas contarão com corrida de canoa e dos carreteiros e torneio de futebol.

Na programação cultural, shows para todos os gostos com bandas de reggae, sertanejo, pop rock, samba e MPB, além de stand-up comedy e, ainda, a confirmação de shows do Forró de Palha, com Edson & Lucas e do Forró mais eu, com Vinicius & Thayana. Entre as atrações mais esperadas está também a apresentação de Fandango Caiçara, expressão musical-coreográfica-poética e festiva, típica do Litoral Paranaense.

Na programação, ainda, atividades infantis e gincanas, oficinas de fotografia e o Dia da Comunidade, quando acontece o desfile da rainha da festa e a venda da tainha com desconto para os moradores da região.

Serviço
28ª Edição da Festa da Tainha da Ilha do Mel

Local: Ilha do Mel (PR), Praia de Nova Brasília, no trapiche.
Data: 1º a 31 de julho
Horários: de segunda a sexta-feira das 10h às 23h; finais de semana das 10h às 03h.
Entrada gratuita.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui