A fotografia “O Último Retrato de Oscar Niemeyer” ganha destaque em nova sala do MON

O último retrato de Oscar Niemeyer (Paula Klien)

Obra da artista carioca Paula Klien, a fotografia “O Último Retrato de Oscar Niemeyer”, clicada em agosto de 2012, ganha destaque a partir desta semana em nova sala da Torre do Olho no Museu Oscar Niemeyer (MON), em Curitiba. A fotografia está exposta ao lado do croqui original do museu feito pelo arquiteto e exposto pela primeira vez. A obra também integra o livro “Pessoas Me Interessam”, de autoria da artista. No dia em que foi clicada, faltavam poucos dias para a abertura da exposição “Edible”, de Paula, que tratava da fome sob diversos ângulos. A artista aproveitou para perguntar ao arquiteto do quê ele tinha mais fome na vida, e ele respondeu: “tenho fome de trabalho”.

Mais sobre o Museu Oscar Niemeyer

O Museu Oscar Niemeyer (MON), patrimônio estadual, localizado em Curitiba (PR), abriga referenciais importantes da produção artística nacional e internacional, com mais de 14 mil obras nas áreas de artes visuais, arquitetura e design. É considerado o maior museu de arte da América Latina, com um espaço de cerca de 35 mil metros quadrados de área construída e mais de 17 mil metros quadrados de área para exposições. Inaugurado em 2002, o projeto é de autoria do reconhecido arquiteto brasileiro que leva seu nome. Com um total de 12 salas expositivas, a cada ano são realizadas mais de 20 mostras que, juntas, recebem um público superior a 360 mil visitantes.

Mais sobre Paula Klien

A artista visual Paula Klien se inspira na filosofia oriental milenar, pesquisando o invisível e trabalhando os acidentes no campo da espiritualidade, transcendência, silêncio e entrega. Suas pinturas acontecem na água. Telas de grandes dimensões ou papéis de alta resistência são imersos em depósitos de água, preparados no estúdio ou em águas de rios brasileiros, enquanto recebem pigmentação com nanquim chinês. O conceito revela o fluxo de nossas vidas.

Agora, Paula Klien transporta a tradição de seu trabalho diretamente para o futuro, ao ter sido uma das pioneiras na cena de arte contemporânea brasileira no uso de NFTs. Representada pela Metaverse Agency, a artista lançou suas primeiras coleções na MakersPlace, uma das mais importantes plataformas de NFT e foi uma das 100 artistas globalmente convidadas para o lançamento da plataforma Binance. Também apresentou em larga escala seus NFTs na ArtRio 2021. Recentemente, fez seu primeiro drop na Tropix – marketplace global de criptoarte de Daniel Peres Chor e, agora, lança NFT na Invert – projeto de Andres Bilbao.

Sua obra física foi exposta muitas vezes no Brasil e no exterior. Representada em Berlim pela galeria aquabitArt, esteve em diversas ocasiões na capital alemã. Fez individuais e coletivas na galeria e participou de feiras de arte como Positions Berlin Art Fair e Paper Positions Berlin, bem como de uma coletiva no Deutsche Bank. Sua obra também foi exposta em Nova Iorque a convite da Clio Art Fair, em Buenos Aires na ArteBa, em Londres na Saatchi Gallery, e em Bienais na Itália. Na Europa, o trabalho da artista é representado pela Galeria Casa70 Lisboa.

No Brasil, suas exposições individuais contaram com curadoria de ponta: “Extremos Líquidos”, por Marcus Lontra, e “Fluvius”, por Denise Mattar. Obras de Paula Klien integram coleção de dois museus brasileiros. O MON (Museu Oscar Niemeyer) abriga “O ultimo retrato de Oscar Niemeyer” e o MACS (Sorocaba Contemporary Art Museum) abriga “ZigZag” e “Wherever you go, I go”.

Como fotógrafa, a artista fez parte de oficina com Steve McCurry, realizou campanhas e editoriais de moda e publicou dois livros de retratos, intitulados “Pessoas Me Interessam” e “It’s Raining Men”. Paula Klien fotografou um enorme número de modelos e celebridades. É de Paula Klien o último retrato de Oscar Niemeyer, em seu quarto, aos 104 anos de idade.

 

Serviço:

Instagram

Site Paula Klien

Museu Oscar Niemeyer

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui