O clique que faz a diferença na venda de um imóvel

Rede Imóveis orienta sobre chama atenção para uma venda

Segundo a Associação Brasileira das Incorporadoras Imobiliárias, o tempo médio para a venda de um imóvel no Brasil é de 16 meses, mas um fator em especial pode colaborar para diminuir esse prazo. Se há tantos imóveis disponíveis, a orientação de quem é especialista no assunto é utilizar uma ferramenta que vai ajudar a chamar a atenção de um propenso comprador. Mais do que mil palavras, uma sequência de fotos bem-feitas pode dar muito mais valor a um imóvel do que apenas descrições detalhadas.

A orientação é da Rede Imóveis, maior rede de imobiliárias do Paraná. “A imagem é muito importante. Por isso, é preciso que as fotos sejam feitas por profissionais e sejam planejadas. Quanto melhores as fotos, mais fácil do cliente clicar no link de venda do imóvel e agendar uma visita”, salienta Adalberto Scherer Filho, diretor de Marketing da Rede Imóveis.

Na prática, significa que para serem feitas as fotos é preciso marcar um dia específico, estabelecer um tempo necessário, sem pressa, e com cuidado aos detalhes. “Deixe tudo em ordem quando o fotógrafo for fazer as imagens. Um imóvel iluminado sempre irá chamar mais atenção do que um ambiente escuro”, ensina.

Outro cuidado é com a organização dos espaços. “É preciso deixar tudo bonito e organizado. Um cômodo bagunçado pode causar repulsa”, alerta. “Também lembre que menos é mais. Mostrar a sua decoração não é o que agrega valor na compra. Mostrar o imóvel é que fará a diferença. Se for uma casa, por exemplo, e tiver móveis planejados, é importante mostrar. Mas, se não houver móveis, procure mostrar o que pode ser um diferencial: o estado de conservação, se há mais banheiros, se pega sol…”, detalha.

No entanto, Scherer salienta que não basta ter boas imagens se no dia da visita agendada elas não corresponderam à realidade. “É importante lembrar: a primeira impressão é a que fica, se a pessoa achar que foi ludibriada pelas fotos, dificilmente fará negócio. Por isso, é preciso que as imagens estejam alinhadas ao que está sendo visto pessoalmente.”

Ele destaca que é preciso redobrar a atenção no dia da visita. “É preciso deixar a casa limpa e cheirosa, organizada pra receber a pessoa que vai visitar o imóvel. Deve-se deixar também os ambientes iluminados: abrir as cortinas, deixar a claridade entrar. Se for à noite, deve-se acender as luzes, deixar tudo aceso.”

Reputação e transparência na venda
Para escolher a imobiliária que colocará o imóvel à venda, Adalberto Scherer orienta que é preciso fazer uma boa pesquisa de mercado. “A primeira dica é procurar sempre nomes já respeitados do mercado. Falar de imóvel é falar de solidez, por isso não pode arriscar deixar nas mãos erradas, ou seja, uma imobiliária que não tenha uma boa reputação”, destaca.

A segunda dica é não supervalorizar o preço da venda do imóvel. “Um imóvel sempre tem seu valor real de mercado e o valor afetivo. Só quem compra o imóvel sabe do esforço que fez. Contudo, na hora da avaliação para a venda não se pode projetar esse valor intangível no custo real do imóvel. Por isso, é preciso confiar no corretor e colocar o imóvel à venda com o valor real do imóvel”, explica o diretor de Marketing da Rede Imóveis.

Sobre a Rede Imóveis
Com 28 anos de atuação e pioneira na formação de Redes Imobiliárias no Brasil, a Rede Imóveis é uma associação de 11 imobiliárias tradicionais de Curitiba, com o objetivo de facilitar a negociação de quem quer comprar, vender ou alugar imóveis. A Associação Rede Imóveis é formada pelas empresas: Galvão, Imobiliária Razão, Kondor Imóveis, Baggio Imóveis, Imobiliária Cilar, Cibraco Imóveis, Imobiliária 2000, Futurama Imóveis, Habitec Imóveis, Paulo Celles Imóveis e Casa ao Lado. Mais informações no site www.redeimoveis.com.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui