Reumatologistas do Brasil e do mundo em Curitiba a partir desta quarta-feira

A Sociedade Brasileira de Reumatologia (SBR) realiza, de quinta a sábado (de  7 a 10), em Curitiba, o 32º Congresso Brasileiro de Reumatologia que vai reunir profissionais da área, do Brasil e do Mundo. O evento tem o apoio da Sociedade Paranaense de Reumatologia (SPR), presidida pelo maringaense Marco Rocha Loures, e será realizado na ExpoUnimed Curitiba.

O Congresso terá conferências, miniconferências, mesas redondas, sessões interativas de casos clínicos, sessões de temas livres e também vai possibilitar o contato pessoal entre os pesquisadores e os participantes. Mas a grande novidade deste ano será um quiz show – um jogo de perguntas e respostas para testar os conhecimentos e entreter os participantes.

Também estão programados 11 cursos pré-congresso (alguns ainda tem inscrições, veja no site do evento), com temas como Ultrassonografia – Básico e Avançado, Dor para o Reumatologista,  Reumatologia para Atenção Primária, Capilaroscopia, Órteses em Reumatologia, Infiltrações e Ultrassonografia Músculo-Esquelética Pediátrica.

De acordo com o presidente do Congresso, Eduardo dos Santos Paiva, os temas e os convidados foram minuciosamente escolhidos pela comissão científica, para dar ao evento a relevância necessárias no dia-a-dia dos reumatologistas. “Mas também estamos, com este congresso, preparando o futuro próximo de nossa especialidade. Os palestrantes nacionais e internacionais esmeraram-se no preparo de suas apresentações e são todos grandes experts em seus campos”, frisou.

O presidente da SPR, Marco Rocha Loures, destacou a importância do evento que será realizado aqui no Paraná. “É uma grande oportunidade para todos nós, de estarmos debatendo, buscando informações, aprendendo e nos atualizando sobre os temas importantes e presentes no dia a dia do profissional, sem que para isso seja necessário se deslocar a outro país”, salientou Rocha Loures.
Internacionais

O Congresso terá como destaques internacionais: Atul Deodhar, professor da  Oregon Health and Sciences University, dos EUA; Brian Feldman, professor de Pediatria e de Gestão e Avaliação em Saúde Política da Universidade de Toronto, Canadá; Carol Langford, diretora do Center for Vasculitis Care and Research na Cleveland Clinic, Canadá; Cristina Hernández Díaz, do Consejo Mexicano de Reumatología; Daniel Furst,  professor de Reumatologia, University of California, Los Angeles (UCLA); Fernando Pérez-Ruiz, chefe divisão de Reumatologia do Hospital de Cruces em Vizcaya, Espanha; James T. Rosenbaum,  professor de Doenças Inflamatórias, do Oregon Health and Sciences University (OHSU); Johannes Roth, reumatologista pediátrico do Hospital Infantil de Eastern Ontario, Canadá; Laura Coates, ‘clinical lecturer’ em Reumatologia na Universidade de Leeds, Reino Unido; Lucio Ventura Rios especialista em Medicina e Reumatologia do México; Marco Matucci-Cerenic diretor de divisão de Reumatologia da Universidade de Florença, Itália; Maurizio Cutolo, professor em Reumatologia da Universidade de Gênova, Itália; Paul Emery, diretor do Leeds Institute of Rheumatic & Musculoskeletal Medicine, do Reino Unido; Pierre Quartier,  chefe do serviço de reumatologia do Hospital Enfants Malades de Paris, França; Richard Alan Furie, chefe da Divisão de Medicina do Long Island Jewish Medical Center, EUA; Stefan Rose-John, diretor do Instituto de Bioquímica da Christian-Albrechts da Universität em Kiel, Alemanha; e Vanessa Smith, presidente do EULAR – Grupo de Estudos de Microcirculação em Doenças Reumáticasda Bégica.

Outras informações sobre o Congresso, e inscrições nos cursos, no site: www.sbr2015.com.br/

 <reumatopr@gmail.com>

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.