Tem mercado para profissionais de TI fora do Brasil!

Mesmo com boas oportunidades de jobs, não é raro que alguns profissionais de tecnologia estejam preocupados com o cenário de crise de mercado e de confiança que passa em nosso país.  Já pensou que este panorama pode ser uma boa oportunidade para mudar radicalmente e encontrar trabalhos fora do Brasil?



Rafaela Vita, coordenadora técnica da Klasse! Tech Talents, unidade focada em recrutamento e seleção na área de tecnologia,explica que em outros países há oportunidades e que nem sempre os profissionais daqui estão de olho. “Estive no Vale do Silício entre fevereiro e junho de 2014 e realmente há algumas oportunidades acontecendo sim. Tem alguns polos tecnológicos como a Califórnia, Israel e Canadá, por exemplo, que estão crescendo pela economia favorecida destes países que estão em crescimento. Justamente por isso, essas vagas começam a se potencializar” aponta a especialista.



Rafaela explica que há estudos que mostram que um crescimento médio de 20% ao ano de oportunidades nestes países – e que por aqui os números foram revisados para menos. “No Brasil, a Brascom tinha essa projeção de crescimento bastante agressiva, mas  por uma realidade de mercado e de economia, essa projeção está diminuindo, assim como essas vagas que diminuem um pouco” aponta Rafaela.



Ir pra fora sem riscos
Alguns pontos precisam ser levados em conta para evitar dores de cabeça para quem decide mudar de rumo radicalmente e fazer as malas, as empresas estrangeiras, de modo geral, procuram:



– Ter um idioma extra como o inglês, que é a linguagem universal;
– Ser recém formado;
– Ter bons conhecimentos em tecnologia de programação e
– Estar com muito interesse em fazer carreira fora do Brasil



No entanto, Rafaela entende que os interessados precisam tomar algumas precauções e não sigam sem rumo para fora. “O que eu recomendo é que tomem cuidado com o espirito muito aventureiro, do estilo vou lá e tentar sem ter nada em vista. Tem a questão do visto, etc.  Tem alguns programas que sugerem o profissional sair do Brasil já com algumas perspectivas, mas o ideal é já sair com esse trabalho garantido. Existem grupos nas redes sociais sobre pessoas que querem trabalhar no Vale do Silício, por exemplo, e que ajudam a achar caminhos para isso tudo” alerta Rafaela.



Vantagem para Currículo
Um diferencial que a especialista observa é o “Up” no currículo do profissional. “Eu entendo que é  um mercado muito promissor, ela já volta com uma competitividade só por ter estado em ambientes muito promissores”.



O que falta para desbravar o mercado lá fora?
Rafaela percebe que existe um olhar para o Brasil, pois tem bastante jovens se formando por aqui – diferente de alguns outros centros. “O Canadá, por exemplo, tem falta de mão de obra jovem especifica técnica. Tem essa potencialidade. Os candidatos de tecnologia ainda não pararam para olhar isso, a não ser que sejam os trainees. Os profissionais daqui precisam pensar nessas possibilidades” completa Rafaela.

Confira alguns grupos de ajuda criados no Facebook para quem quer encontrar trabalho fora do país
1) Digital Media no Canadá, para brasileiros:
https://www.facebook.com/groups/brasilcanadadigital/?ref=browser
2)Trabalhar? Estudar? Morar fora do Brasil  https://www.facebook.com/groups/253674054833305/?fref=ts
3) Brasileiros no Vale do Silício
https://www.facebook.com/groups/brasileirosnovale/






Foto: BenjaminNelan



Sobre a Klasse! Tech Talents
A Klasse! Tech Talents é focada na seleção estratégica de profissionais para a área de tecnologia, com amplo networking e especializada na captação de talentos TECH. Atende diferentes organizações, incluindo os setores da indústria, comércio, serviços, fornecedores da área de tecnologia, entre outros. Toda a conduta é baseada em sigilo, discrição e personalização nos serviços e relacionamentos, tanto entre clientes como os profissionais que atende.
Acesse e saiba mais: www.klassetech.com.br

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.