CAPITAL INICIAL E SCALENE JUNTOS EM CURITIBA

Curitiba recebe dois grandes destaques do rock brasiliense no próximo dia 21 de novembro. Com realização da Prime, as bandas Capital Inicial e Scalene, finalista do programa SuperStar, da Rede Globo, vão se apresentar no palco do Spazio Van (BR116, Linha Verde, 15000).Antes, os curitibanos  do Terceiro Estado estão escalados para fazer o pocket-show de abertura, uma iniciativa do Projeto Prime Cultural de valorização da arte local. As apresentações tem início a partir das 23horas.
O quarteto formado por Dinho Ouro Preto, Fê Lemos, Yves Passarel e Flávio Lemos traz na bagagem a turnê do álbum Viva a Revolução. Com mais de 30 anos de estrada, a banda teve uma mudança muito forte no seu modo de fazer música e esse novo álbum é a mescla perfeita desses 34 anos. É possível ter o rock n’ roll inspirado nos Rolling Stones, o glam de Gary Glitter, e a contraposição de instrumentos musicais. “O objetivo era revolucionar mais na sonoridade. É por isso que os tambores de ‘Tarde Demais’ e a voz e o violão de ‘Coração Vazio’ estão juntos no mesmo EP”, reflete Dinho.
O álbum ainda conta com parcerias especiais. Thiago Castanho, ex-guitarrista do Charlie Brown Jr., compôs junto de Dinho Ouro Preto e Alvin L as músicas “Coração Vazio” e a primeira música divulgada do trabalho, “Melhor do que Ontem”. Ainda conta com duas versões da música “Viva a Revolução”, sendo uma com distorções e outra com a participação do coletivo carioca de MCs, o ConeCrewDiretoria. O som do Capital Inicial traz uma inovação muito interessante e promete fazer um show empolgante no palco do Spazio Van.
No show, Dinho Ouro Preto (vocal, violão e guitarra), Fê Lemos (bateria, percussão e vocais), Flávio Lemos (baixo) e Yves Passarel (guitarra, violão e vocais) são acompanhados por Fabiano Carelli (guitarra, violão e vocais) e Robledo Silva (teclados, violão e vocais).
Assim como o Capital Inicial, a Scalene formado por Gustavo Bertoni (guitarra e vocal), Tomas Bertoni (guitarra), Lucas Furtado (baixo) e Philipe ‘Makako’ (bateria e vocal), manteve viva a tradição de formação de bandas rock de qualidade de Brasília. Com dois álbuns lançados, Real/Surreal (2013) e Éter (2015), eles ganharam fãs em todo o Brasil depois de participarem do reality show da TV Globo “SuperStar” em 2014. A banda chegou a final e terminou em segundo lugar.
Além de ganharem visibilidade nacional com o programa, eles estão fazendo shows em grandes festivais de música, como o Lollapalooza Brasil, o South by Southwest (SXSW), nos Estados Unidos, e o clássico Porão do Rock, em Brasília.
Para animar a noite eles vão tocar grandes hits de seus álbuns como “Surreal”, “Amanheceu”, “Danse Macabre” e “Legado”.
Os ingressos estão disponíveis e variam de R$51,00 (meia-entrada) a R$206,00 (inteira), de acordo com o setor. Pista – R$96,00 (inteira) e R$51,00 (meia-entrada) / Área Vip (frente ao palco) – R$206,00 (inteira) e R$106,00 (meia-entrada).A meia-entrada é válida para estudantes, pessoas acima de 60 anos, professores, doadores de sangue e portadores de necessidades especiais (PNE). Portadores do cartão fidelidade Disk Ingressos e clientes Prime possuem 50% na compra de até dois  bilhetes por titular. Promoções não cumulativas com descontos previstos por Lei. ***Valores sujeitos a alterações sem aviso prévio. Os ingressos podem ser adquiridos através do Disk-Ingressos (Loja Palladium – de segunda a sexta, das 11hs às 23hs, aos sábados, das 10 às 22 horas, e aos domingos, das 14 às 20hs, –  e quiosques instalados nos shoppings Mueller e Estação – de segunda a sábado, das 10hs às 22hs, e aos domingos, das 14hs às 20hs)Call-center Disk Ingressos (41) 33150808 (de segunda a sexta, das 9h às 22hs, e aos domingos, das 9 às 18hs), pelo portal www.diskingressos.com.br) e  no local, somente no dia do evento. É obrigatória a apresentação do documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário, na compra do ingresso e na entrada do evento. Censura: 18 anos.
Mais sobre o Terceiro Estado
Terceiro Estado é uma banda curitibana de rock pop, composta por Beto Freitas (voz e violão), Lipe Borba (guitarra e voz) Luciano Hirano (baixo) e Pietro Putinatti (bateria).  A banda iniciou suas atividades em 2009, e já no ano seguinte lançou seu álbum de estreia sob a produção de Tom Sabóia e Xandão Meneses, guitarrista da banda ‘O Rappa’, entrando assim, em grande estilo no cenário musical brasileiro. A banda já tocou com grandes nomes como O Rappa, Barão Vermelho, Kid Abelha, Cidade Negra, Jorge Ben Jor, Skank, Planta e Raiz e Raimundos. Participou de grandes festivais com Estação Pedreira, Fifa Fun Fest e Virada Cultural. Em 2014 assinou com o selo Blast Stage Records do carioca André Kostta, distribuído pela Sony Music Brasil. Recentemente o quarteto lançou o primeiro single – “Horizonte” – do novo álbum “Impermanência” com lançamento previsto ainda para este ano.
Sobre o Projeto Prime Cultural
Com total pioneirismo, a iniciativa tem a proposta de valorizar os artistas locais e regionais com trabalhos autorais e produções próprias. Assim, a produtora curitibana Prime lança seu Projeto Prime Cultural, uma oportunidade aos grupos locais de mostrarem o calor paranaense que se encontra na arte.
O projeto é uma iniciativa inédita no cenário artístico e exclusiva da Prime, sem fins lucrativos, com o intuito de divulgar e gerar a movimentação artística e dinâmica da cena paranaense. No início será focada a música, mas no futuro outras formas de arte e cultura serão incluídas. O Projeto Prime Cultural visa dar oportunidade única para os artistas mostrarem seu potencial criativo a grandes plateias.
Além de toda a divulgação do artista no evento, seu diferencial é oferecer também boa estrutura de palco, equipamentos de som, luz, backstage e, claro, a presença significativa de público. Para isso, os shows/espetáculos que a Prime vier a realizar no Paraná deverá ter a participação de um artista local. As bandas serão selecionadas conforme a produção e a atuação delas. Cabe ao projeto então reuni-las, viabilizar os shows e realizar a divulgação do evento. “As bandas que participarem do Projeto Prime Cultural terão a mesma atenção que os artistas de renome nacional com os quais dividirão o palco”, afirma Mac Lóvio Solek, idealizador do projeto e diretor da Prime. “Aproveitando o prestígio dos artistas nacionais que se apresentam em Curitiba e em outras cidades do Paraná e Santa Catarina pela Prime, vamos proporcionar aos artistas locais/regionais uma boa formação de plateia para conhecer e divulgar seus projetos. Além disso, o público poderá vivenciar a diversidade cultural popular do Paraná”, completa.
Neste primeiro momento, a produtora está convidando projetos já conhecidos, com referência e que fazem parte da cena local. Os artistas interessados em se apresentar pelo Projeto Prime Cultural podem encaminhar seu material de trabalho e currículo para o e-mail projetoprimecultural@maisumadaprime.com.br. O material deverá conter um breve release da banda, vídeos, músicas autorais, fotos, set list e logomarca do artista/grupo. Os trabalhos serão escolhidos por meio de carta convite e de acordo com a afinidade musical com o público do artista principal. Será avaliada a apresentação do trabalho e comprometimento do grupo.
]
As apresentações de abertura do show principal serão em formato de pocket-show e deverão conter músicas autorais e alguns covers. A duração será de até 40 minutos.
“O Projeto Prime Cultural é, sem dúvida, o primeiro projeto que vai fazer uma ponte direta entre as bandas locais passando a ter acesso com os artistas nacionais e, na medida do possível, vamos tentar promover uma interação cada vez maior”, finaliza o diretor da produtora curitibana.
SERVIÇO:PROJETO PRIME CULTURAL apresenta
CAPITAL INICIAL e SCALENE
Abertura:
 Terceiro Estado
Quando:
 21 de novembro de 2015 (Sábado)
Local: Spazio Van (BR116, Linha Verde, 15000) Horários:
Abertura da Casa: 
21h30/ Início do show Terceiro Estado: 23h15 / Início do show Scalene: 0h / Início do show Capital Inicial:1h30
Duração do show: cerca de 90minutos
Ingressos: variam de R$51,00 (meia-entrada) a R$206,00 (inteira), de acordo com o setor.
Pista – R$96,00 (inteira) e R$51,00 (meia-entrada);
Área Vip (frente ao palco) – R$206,00 (inteira) e R$106,00 (meia-entrada).
A meia-entrada é válida para estudantes, pessoas acima de 60 anos, professores, doadores de sangue e portadores de necessidades especiais (PNE).
Portadores do cartão fidelidade Disk Ingressos e clientes Prime possuem 50% na compra de até dois  bilhetes por titular.
Promoções não cumulativas com descontos previstos por Lei.
 ***Já está incluso o valor de R$6,00 de acréscimo por bilhete referente à taxa de administração Disk Ingressos.
***Valores sujeitos a alterações sem aviso prévio
.
***É obrigatória a apresentação de documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário na compra do ingresso e na entrada do teatro.
Forma de Pagamento: Não serão aceitos cheques, apenas dinheiro e cartões de débito e crédito Visa, Mastercard, Dinners e RedeShop – parcelamento em até 3x
Pontos de Venda: Disk-Ingressos (Loja Palladium – de segunda a sexta, das 11hs às 23hs, aos sábados, das 10 às 22 horas, e aos domingos, das 14 às 20hs, –  e quiosques instalados nos shoppings Mueller e Estação – de segunda a sábado, das 10hs às 22hs, e aos domingos, das 14hs às 20hs)Call-center Disk Ingressos (41) 33150808 (de segunda a sexta, das 9h às 22hs, e aos domingos, das 9 às 18hs), pelo portal www.diskingressos.com.br) e  no local, somente no dia do evento. Classificação etária: 18anos
Informações p/ o público: (41) 33150808 / www.maisumadaprime.com.br
Realização: Prime
 
 
 

 

 

 

 
 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.