Brasileiro de Golfe: Herik encosta em Alvarez no Paraná e Luiza lidera

O uruguaio Juan Alvarez e a paulista Luiza Altmann chegam à final do 86º Brasileiro de Golfe, ou Campeonato Amador de Golfe do Brasil, como é oficialmente designado, na liderança. A última rodada acontece neste domingo, a partir das 8h30, no Clube Curitibano, em Quatro Barras (PR).

O evento vale para os rankings mundial (WAGR, na sigla em inglês) e nacional. Disputam a competição 84 golfistas do Brasil e de outros seis países, que lutam por um dos principais títulos do golfe amador sul-americano.

Alvarez soma 205 tacadas (com parciais de 66/69/70). Apesar de ter jogado uma boa volta de 69 tacadas neste sábado, não saiu satisfeito do campo. “Perdi uma bola no buraco 9 e depois não joguei tão bem quanto gostaria”, disse ele, que é o 16º melhor golfista amador do mundo.

O gaúcho Herik Machado, número 1 do Brasil, diminuiu a diferença que tinha em relação ao uruguaio e chega à final a duas tacadas do líder. Com 207 (67/71/69), é o vice-líder isolado e busca o seu primeiro título brasileiro adulto – ele já foi bicampeão brasileiro juvenil.

O paranaense Ivo Leão, que estava em segundo lugar, caiu para a terceira colocação, com 208 (66/70/72). O argentino Andres Schonbaum (69/71/70) e o paulista Pedro Nagayama (72/65/73) vem empatados em quarto, com 210 tacadas.

O Brasil, com dupla formada por Herik e pelo carioca Daniel Ishii, segue na frente na Taça Mario Gonzalez, competição de duplas internacionais que acontece em paralelo, com 422 tacadas. A Argentina está em segundo, com 225, seguida pelo Equador, com 426, e pelo Uruguai, com 427.

No feminino, a paulista Luiza Altmann ampliou sua vantagem na liderança de uma para oito tacadas. Ela soma 214 (73/71/70), contra 222 (74/71/77) da vice-líder, a argentina Maria Melania Bajo Geijo. A carioca Clara Teixeira assumiu a terceira colocação, com 223 (80/70/73), seguida pela argentina Sol Emilia Santecchia, com 225 (75/75/75). “Foi minha melhor rodada até agora. Estou cada vez mais confortável com o meu jogo”, disse Luiza, que defende o título de campeã brasileira obtido no ano passado, em Porto Alegre.

A quarta e última rodada do 86º Brasileiro de Golfe começa às 8h30 deste sábado, quando os primeiros grupos de jogadores iniciam suas partidas. Os últimos atletas iniciam o jogo às 10h30 e devem conclui-lo por volta das 15h.

Rolex é o relógio oficial da CBG. O 86º Campeonato Amador de Golfe do Brasil conta com apoio do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e com recursos da Lei Agnelo Piva. A organização é da CBG, com apoio da Federação Paranaense e Catarinense de Golfe e do Clube Curitibano.

VEJA AQUI O PLACAR ONLINE DA COMPETIÇÃO

Sobre a CBG – A Confederação Brasileira de Golfe (CBG) foi criada em 1958, com o nome ABG – Associação Brasileira de Golfe – para que o Brasil participasse do primeiro campeonato por equipes do Royal & Ancient Golf Club of Saint Andrews (R&A), uma das mais antigas e tradicionais instituições do golfe mundial.

Rebatizada em 1976, a CBG é uma associação sem fins lucrativos que tem por objetivo dirigir, propagar e desenvolver o golfe nacional, sendo também o órgão normativo e disciplinar brasileiro para o esporte reconhecido por entidades internacionais. Entre suas atribuições, estão: realizar campeonatos, torneios e competições de golfe em âmbito nacional e internacional, criar e manter o cadastro de atletas amadores (handicap system) e profissionais, incentivar e divulgar, por meio de processos educativos e de projetos como o Golfe Para a Vida, a cultura física, ética e de cidadania do esporte. A CBG é filiada ao R&A, à Federação Sul-Americana de Golfe, à International Golf Federation (IGF) e ao Comitê Olímpico do Brasil.

fruet@albatrozcom.com.br

287578_617859_img_5194_web_
O uruguaio Juan Alvarez lidera a competição (Gustavo Garrett/CBG)
287578_617858_img_5218_web_
Herik Machado está a duas tacadas do líder (Gustavo Garrett/CBG)
287578_617857_img_4712_web_
Luiza Altmann lidera a categoria feminina (Gustavo Garrett/CBG)
287578_617856_img_5179_web_
A argentina Melania Bajo Geijo, vice-líder no feminino (Crédito: Gustavo Garrett/CBG)

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.