Dias mais quentes podem aumentar os casos de enxaqueca

Com a proximidade do verão temos dias mais quentes e, com eles, mais reclamações sobre dores de cabeça constantes. O que pouca gente sabe é que com o calor aumenta o número de casos de enxaqueca devido ao aumento da luminosidade e o menor consumo de água, já que a desidratação facilita a ocorrência de crises.

A diretora médica do Laboratório Frischmann Aisengart, Dra. Myrna Campagnoli, explica que a enxaqueca é uma dor de cabeça que lateja ou pulsa e que ocorre frequentemente em um dos lados da cabeça, acompanhada de náuseas ou vômitos. “Muitas pessoas, que passam pelas crises de enxaqueca relatam que as dores são agravadas pelo desconforto com a luz ou barulho e que isso pode se repetir por vários dias”, comenta.

Por isso, nos dias mais quentes, é preciso proteger os olhos com óculos de sol, usar um chapéu ou boné e aumentar a ingestão de líquidos. “A enxaqueca não tem cura e muita gente costuma se automedicar, o que é bastante perigoso. Quem sofre mais nesses períodos não pode deixar de procurar um especialista para um tratamento mais adequado e direcionado”, avalia.

unnamed-3

Paula Batista

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.